Key do SHINee mostra que “Blinding Lights” segue relevante em 2021 com “Bad Love”

O Key do SHINee está de volta com seu 1º EP solo, mas a sem sal nem açúcar “Hate that…” me deixou com os dois pés atrás sobre o que poderia vir nesse comeback. Felizmente o carinha honrou a reputação dos solos do SHINee e entregou um dos grandes destaques de 2021 com “Bad Love”:

Continue Lendo “Key do SHINee mostra que “Blinding Lights” segue relevante em 2021 com “Bad Love””

Key quer que você odeie a parceria dele com a Taeyeon “Hate That…”

Key é o mais novo integrante do SHINee a ressuscitar sua carreira solo. Mas, antes de voltar oficialmente como solista, o cantor lançou hoje o pré-lançamento “Hate That…”, em parceria com a Taeyeon que parece onipresente na SM e está ajudando na divulgação de todo mundo por lá:

Continue Lendo “Key quer que você odeie a parceria dele com a Taeyeon “Hate That…””

Um post de J-pop: Perfume, SHINee, MAX e AI Carina Uemura

Esse blog casualmente comenta sobre J-pop e tenta falar sobre os lançamentos que rolam lá no Japão, mas alguns acabam se perdendo no meio do caminho ou porque lançaram junto com alguns K-pops mais relevantes ou simplesmente pela preguiça do blogueiro em criar posts solo que vão render 20 visualizações. Então, para compensar, vamos falar um pouco sobre alguns lançamentos que chamaram a minha atenção no J-pop, mas acabei enrolando muito para comentar:

Perfume – Polygon Wave

Continue Lendo “Um post de J-pop: Perfume, SHINee, MAX e AI Carina Uemura”

Top Top.jpg: As 10 músicas mais pau mole do K-pop em 2021 (Até agora)

Se você é uma gatinha antenada nos mais recentes eventos da blogosfera, deve ter notado que o Lunei começou uma onde os blogueirinhos estão fazendo suas listinhas com as 10 músicas mais legais do 1º semestre. Eu até tentei fazer a minha lista nesse fim de semana, mas acabou que foi mais fácil para mim escolher as 10 músicas mais broxantes do ano até aqui do que as 10 melhores de fato. Será que isso é um sinal de que 2021 está horrível ou eu que estou mais amargo do que nunca?

Enfim, nesse Top Top vou falar sobre as 10 músicas mais pau mole de 2021 no K-pop, sendo aquelas que, como a própria gíria diz, não faz o pau de ninguém subir. Tivemos muita coisa nesse nível esse ano, então será divertido mostrar quais foram as minhas 10 decepções dessa primeira metade do ano (Que podem muito bem sobreviver nessa mesma lista no fim do ano). E começando esse Top 10 temos a mais nova eterna promessa do K-pop que não deslancha nunca:

10º lugar — LOONA – PTT (Paint The Town)

Continue Lendo “Top Top.jpg: As 10 músicas mais pau mole do K-pop em 2021 (Até agora)”

Com “Advice”, Taemin bota um arroz com feijão na mesa dos fãs antes de ir para o exército

Depois de SuperM, álbum solo promovido em duas partes e comeback do SHINee com direito a relançamento, Taemin já está de volta com mais um solo, “Advice”. Esse front de lançamentos envolvendo ele não é tão imbátivel quanto parece (Tem seus hinos mas rola umas bombas no meio do caminho também), mas com tanta coisa saindo uma hora a SM botaria um arroz com feijão no colo dele e falar “Faz sua arte”… E ele fez:

Continue Lendo “Com “Advice”, Taemin bota um arroz com feijão na mesa dos fãs antes de ir para o exército”

Review Retrô: Quando o Shinee previu a participação de Juliette Freire no BBB com “Juliette” (2009)

Nesses últimos meses a gente está vendo o fenômeno social e de marketing chamado Juliette Freire arrastando tudo que vê pela frente no BBB21. Amem ou odeiem, é inegável que a bicha rende engajamento, e todas as pessoas de todas as áreas possíveis estão tentando aproveitar esse fenômeno para gerar uns cliques também. É sério, olhem quantas músicas “Juliette” já saíram desde que essa mulher começou a ficar extremamente popular com o programa:

E como esse blog adora um bait fácil com K-pop (Já viram as marmotas que posto no twitter?), esse post é feito unicamente para ver se os cactos (O nome da fanbase da Juliette) dão algum engajamento e vira assunto nesse povo. E claro, comentar um pouco sobre como o SHINee estava a frente do nosso tempo lançando “Juliette” ainda em 2009, quando esse nome só era uma marca de óculos transados:

Continue Lendo “Review Retrô: Quando o Shinee previu a participação de Juliette Freire no BBB com “Juliette” (2009)”

SHINee lança “Atlantis” para a fanbase não precisar mais fingir que “Don’t Call Me” é boa

Depois de lançar um dos singles mais questionáveis da carreira (Eu falo questionável pois todo mundo devia concordar que aquilo tá ruim pro SHINee mas né…) e fazer um sucesso considerável na Coreia com “Don’t Call Me”, SHINee relançou hoje seu 7º álbum de estúdio com o nome “Atlantis”. A faixa título também é a principal desse comeback, e o upgrade foi grande aqui:

Continue Lendo “SHINee lança “Atlantis” para a fanbase não precisar mais fingir que “Don’t Call Me” é boa”

“Don’t Call Me” é o comeback do SHINEE que poderia ser de qualquer boygroup de fundo de quintal

Depois de 2 anos e meio (E muitos solos do Taemin que fizeram parecer com que estavam longe há muito mais tempo), SHINee está de volta como grupo em seu 7º álbum de estúdio, “Don’t Call Me”. A title track também serve como faixa principal desse retorno, e a impressão que fica é que a música não vale a expectativa

Continue Lendo ““Don’t Call Me” é o comeback do SHINEE que poderia ser de qualquer boygroup de fundo de quintal”

“IDEA” é a ideia mais fraca que o Taemin teve como single em 2020

Taemin segue com as promoções do “Never Gonna Dance Again” lançando hoje o 2º ato do álbum, com “IDEA” servindo como faixa principal do novo projeto. E é sempre bom ver o Taemin sendo um performer de primeira linha, humilhando a concorrência com sua interpretação e movimentos de dança, mas nada disso deixa “IDEA” menos fraca do que é:

Continue Lendo ““IDEA” é a ideia mais fraca que o Taemin teve como single em 2020″

Taemin dança como se nunca mais fosse dançar de novo em “Criminal”

Depois do pré-lançamento introspectivo “2 Kids”, Taemin lançou hoje o primeiro ato do seu mais novo álbum “Never Gonna Dance Again”. A faixa principal desse comeback se chama “Criminal”, e isso seja porque ele é um criminoso por dançar enquanto fica promovendo esse álbum como a última dança dele ou algo assim:

Continue Lendo “Taemin dança como se nunca mais fosse dançar de novo em “Criminal””