Com “No”, CLC tenta agradar o público não querendo agradar o gosto de ninguém.

Depois de ver suas colegas mais novas vingarem com farofinhas pop e assistir uma demo destinada para elas fazer sucesso com outro grupo de novatas no ano passado, CLC está de volta com mais uma tentativa de agradar o público e finalmente hitar na Coreia… Ou não, já que elas não estão afim de agradar o conceito favorito de ninguém com “No”:

Continuar lendo Com “No”, CLC tenta agradar o público não querendo agradar o gosto de ninguém.

Perdendo o status de tio de Gangnam Style, PSY passa a adotar desabrigados para sua nova empresa

PSY é uma figura conhecida mundialmente por conta do fenômeno Ganganam Style, que entre 2012 e 2013 encheu o saco de casas ao redor do mundo com pessoas empolgadíssimas vendo um tiozão coreano fazendo a dança do cavalo e cantando sobre a vida frenética de Gangnam enquanto a fanbase passava raiva falando que isso “não é kpop de verdade” nem “representa o verdadeiro kpop” (Pois é, o pedantismo da fanbase já vem desde antes de EXO e BTS serem uma coisa e armys e exo-ls disputarem quem é mais insuportável na internet). Mas os anos passaram, a febre de Gangnam baixou para dar lugar ao Despacito e a vida seguiu, com o PSY saindo da YG no ano passado depois de 8 anos para fundar sua própria empresa. Esse ano a empresa finalmente ganhou forma, e a “P-nation” anunciou seus primeiros contratados nos últimos dias: Jessi, Hyuna e o namorado da Hyuna que nunca sei o nome mas sempre parece com cara de quem precisa de um remédio urgente.

View this post on Instagram

#welcome @jessicah_o #pnation

A post shared by PSY (@42psy42) on

Continuar lendo Perdendo o status de tio de Gangnam Style, PSY passa a adotar desabrigados para sua nova empresa

“Born Again”, de seja lá quem esteja cantando no lugar da Tiffany Young, é mais uma adição legalzinha no catálogo da cantora

Tiffany Young anunciou seu primeiro EP “Lips On Lips” para o dia 22 de fevereiro. Na última sexta feira ela lançou, junto com o anúncio, o primeiro single “Born Again” (Isso quer dizer que Over My Skin e Teach You viraram tão temidos BUZZ SINGLES? CL, amiga, parece que temos visita), e com ele veio uma nova sonoridade que ainda não tinhamos visto a Tiffany lançar sozinha.

Continuar lendo “Born Again”, de seja lá quem esteja cantando no lugar da Tiffany Young, é mais uma adição legalzinha no catálogo da cantora

GFRIEND está de volta com “Sunrise” e… Bem, nenhuma surpresa em torno disso.

GFRIEND está de volta com o seu 2° full album. Talvez esse fosse o momento ideal para ousar um pouco ou fazer algo diferente do que o grupo costuma fazer, mas “Sunrise” acaba seguindo um som bem familiar para o grupo:

Levando em conta o sucesso de “Time for the moon night”, é natural “Sunrise” seguir essa linha dramática com um ritmo um pouco mais lento. Ainda é uma forma madura de ver o grupo se comparar com os primeiros singles mas… É, não tenho mais paciência para esses singles completamente previsíveis do grupo. Quem gosta do estilo de som que se tornou a marca do GFRIEND vai gostar de “Sunrise”, e quem não gostou só resta esperar o grupo Apinkzar daqui há uns anos mesmo.

Quer dizer, se até o Apink largou a vida de garotas inocentes de vestidinho branco para entregar pop de boate para a nação, então dá pra esperar o GFRIEND fazendo a mesma coisa quando o próximo girlgroup de garotas inocentes de vestidinho branco vingar na Coreia.

Girl’s Day está morto. Todas as integrantes irão tentar carreira de atriz.

Na madrugada de hoje foi revelado que as integrantes do Girl’s Day não prentendem continuar como grupo e nem renovar contrato com a atual empresa. O contrato de Sojin já encerrou…

https://twitter.com/OH_mes/status/1083600495841751041?s=19

… Já Yura, Minah e Hyeri tem mais alguns meses de contrato pra cumprir.

https://twitter.com/OH_mes/status/1083616254835884033?s=19

Continuar lendo Girl’s Day está morto. Todas as integrantes irão tentar carreira de atriz.

Gaon confirma Bboom Bboom como principal hit feminino de 2018. Agora as fanbases podem surtar com um motivo.

Daí que hoje saíram os rankings de fim de ano do Gaon, e o principal chart da Coreia confirmou o que importa: MOMOLAND superou BLACKPINK, trambiques de sajaegi e fanbases surtadas, garantindo o hit feminino de 2018 na Coreia com a já lendária “Bboom Bboom”:

https://twitter.com/OH_mes/status/1083557589219139584?s=19

Continuar lendo Gaon confirma Bboom Bboom como principal hit feminino de 2018. Agora as fanbases podem surtar com um motivo.

Chungha segue não sendo a rainha do verão coreano com “Gotta Go”

Todo início de ano o Kpop surge com um potencial de bops femininos que ocasionalmente ditam o ritmo como possíveis hits do ano, sejam eles hits de fato ou só nos nossos corações mesmo. Há alguns dias atrás comemoramos 10 anos do lançamento de Gee, do SNSD, e músicas como Oh! (SNSD), Something (Girl’s Day) e Bboom Bboom (Momoland) também foram beneficiadas pela falta de concorrência se tornando faixas assinatura de suas respectivas carreiras. Nisso temos a Chung Ha, que conseguiu um dos principais sucessos de 2018 lançando “Roller Coaster” no meio de janeiro, e tenta repetir o feito esse ano com “Gotta Go”:

Continuar lendo Chungha segue não sendo a rainha do verão coreano com “Gotta Go”

Coreanos estão chocados após descobrirem que Ariana Grande é só mais uma branca

Sim, estamos no SEGUNDO DIA de blog e já estou trabalhando com pautão inútil que não tem exatamente uma ligação com Asian Pop MAS a) eu sei que vocês adoram um post de nível subterrâneo e b) Ariana ultimamente vem arranjando tanto barraco com a fanbase que já é praticamente da casa né. Quer dizer, ela não é uma diva asiática mas o assunto tem um nível de descoberta racial igualmente CHOCANTE!!!@@!!!

https://twitter.com/pannchoa/status/1083063794438365184?s=19

Continuar lendo Coreanos estão chocados após descobrirem que Ariana Grande é só mais uma branca