STAYC engole os seus estereótipos com farinha em “Stereotype”

Depois de se firmar como um dos grandes grupos da nova geração do K-pop com o hit “ASAP”, STAYC está de volta com seu primeiro mini-álbum “STEREOTYPE”. Com um nome desses dava para esperar muito tabu sendo quebrado, conceitos sendo desconstruídos e jovens moças da indústria se empoderando… E foi exatamente isso que veio:

A letra dessa música é quase que uma canetada dos singles do Everglow com elas cantando sobre serem confiantes e não se importarem com que os outros pensam, para não julgarem as meninas precipitadamente e não criarem estereótipos em cima delas como moças bonitas. A letra não é tão agressiva por se tratar de uma música mais leve e sem muito batidão para elas bancarem as minas fodonas (Na verdade elas bancam as minas boazinhas nesse comeback), mas a essência do empoderamento e união está ali.

Sobre a música: Assim como todo grupo que consegue um smash para bancar as marmitex por uns meses, STAYC repete a fórmula de “ASAP” para tentar repetir o viral e consolidar um som/conceito característico do grupo, com um som borbulhante, um pouquinho fofo, um refrão adorável e ganchos que funcionam dentro de 15 segundos no TikTok. “Stereotype” é divertida num primeiro momento e que pode crescer com o tempo assim como “ASAP” (Que também não me deixou tãão empolgado em um primeiro momento mas hoje já é um dos meus singles favoritos do ano).

Só o tempo dirá se “Stereotype” será outro hit memorável na carreira do STAYC ou se será apenas uma sombra do que “ASAP” foi, mas por enquanto é mais um single legal e simpático do grupo que me deixa feliz ouvindo, e por enquanto é o suficiente. Gosto das meninas e das músicas, e como esse é um combo muito raro no K-pop hoje em dia comigo, só me deixo levar mesmo e aproveito o que elas tem a oferecer. STAYC não tem o mediaplay da SM, não tem as falcatruas de reality show e não tem o dinheiro infinito da BBC, mas elas tem o POVO.


Hidden gem: I’ll be there

Esse EP de 4 músicas do STAYC (Aprenderam com quem, hein, gatonas?) segue aquela linha de “Nada muito memorável mas nada muito ofensivo também”, com músicas gostosinhas mas nada que pelo menos tente ser mais forte que a faixa principal. Como eu gosto de uma baladinha simples conduzida na guitarra e os vocais estão perfeitinhos demais para ignorar, eu coloco “I’ll Be There” como a melhor album track desse EP do STAYC, mas se você já é mais das farofinhas, “Slow Down” veio direto de 2017 para te fazer feliz.


Siga o Pop Asiático.jpg no twitter e derrube o estereótipo de que blog de K-pop em 2021 não pode acontecer: @popasiaticojpg

4 comentários em “STAYC engole os seus estereótipos com farinha em “Stereotype””

  1. Eu gostei porém confesso que por estar ainda muito hypado por ASAP, as expectativas foram um pouco altas. Mas curti e com mais alguns plays ela desce.

    Fico muito feliz pelo crescimento das dolls do debut pra cá, ninguém dava muito e olha aí. Elas tem muito potencial pra se estabelecerem com o tempo. grupos periféricos no topo e ASAP música do ano !!!

    Curtir

  2. Penso o mesmo que você. Acho essas meninas muito simpáticas, os visuais são bons e todo o conceito bem amarrado e bem feito batendo de frente com grupos ditos grandes.
    Asap só colou comigo pelos memes infinitos que via na minha timeline e depois tava cantando sem perceber. Mas sempre torço por elas cara!.
    PS. Quando vi o negócio de quebrando o tabu nem lembrei do Everglow e sim das Itzy hahahaha, quem vem chegando com comeback também esse mês.

    Curtir

  3. Elas são tudo o que um bom girl group quer ser, e é perceptível que tem muito trabalho envolvido nisso. Mostra que pra sair na caixa, não precisa entregar algo super ousado e experimental, o conjunto da obra entrega tudo por si só.

    Curtir

  4. Olha, não consegui gostar tanto pq o refrão e muito confuso, e realmente os teases enganam, eu achei q a musica seria melhor, mas a voz delas é tão linda que vai qualquer coisa mesmo, mas sem duvidas a minha preferida também do álbum é “I’ll Be There”

    Curtido por 1 pessoa

Os comentários estão desativados.