BIBI é perigosa, vingativa e maravilhosa servindo mais uma excelência musical com “BIBI Vengeance”

Depois de 3 pré-lançamentos e uma boa divulgação com expectativas bem altas, BIBI finalmente lançou seu primeiro álbum “Lowlife Princess: Noir”. Apesar de ser o primeiro comeback dela que eu acompanho pra valer, já sabia do talento que ela possui e do bom gosto para as músicas e estética que ela escolhe. E com “Animal Farm” sendo icônica, estava confiante que viria outro trabalho de excelência e qualidade quando ela mostrasse seu material principal. E ela definitivamente não me decepcionou hoje, com o lançamento de “BIBI Vengeance”:

“BIBI Vengeance” mostra a BIBI sendo uma vadia. Tipo, literalmente, ela repete que é uma vadia a todo instante na música. Mas ela não é qualquer vadia, mas sim A vadia que vai fazer você pagar todos os seus pecados comendo na mão dela. A carinha jovem e inocente disfarça uma persona sombria, perigosa e imprevisível, que te provoca sem você perceber e quando você menos espera *BOOM* ela te derruba e acaba contigo. Essa personalidade forte e intensa de quem está prestes a me agredir e rir da minha cara me encanta toda vez que vejo, pois não é sempre que a gente vê e não é todo mundo que segura tão bem quanto a BIBI segurou aqui.

Quanto a música, “BIBI Vengeance” aposta em um urban latino mais alternativo que vem aparecendo com certa frequência para mim, uma vez que tivemos LE SSERAFIM e Jvcki Wai apostando no mesmo estilo recentemente. O que faz a BIBI se destacar aqui é a interpretação mais profunda e provocante, com a BIBI cantando de forma sutil, porém insana. Uma loucura contida, que a gente sente que vai explodir a qualquer momento mas aí vem o truque da música NÃO explodir, mostrando a cantora totalmente consciente dos seus atos. “BIBI Vengeance” é como uma cobra provocando e hipnotizando sua presa, onde eu fico preso e indefeso com a música e a voz da BIBI ecoando na minha mente.

“BIBI Vengeance”, por sonoridade, não traz nenhuma novidade. Se você acompanha qualquer playlist latina já ouviu esse mesmo batidão sendo lançado quase toda semana. Mas a BIBI como artista consegue elevar a experiência a algo único com sua atitude e personalidade, além da inteligência em saber o que e como entregar uma música de alto nível como essa. A BIBI é daquele tipo de artista que consegue, por conta própria, elevar qualquer demo que entregam para ela, e é muito excitante ver uma pessoa com esse potencial nascendo, crescendo e fazendo seu nome em uma indústria tão competitiva. Que “BIBI Vengeance” e o “Lowlife Princess: Noir” seja um grande passo na carreira da BIBI.

3 comentários sobre “BIBI é perigosa, vingativa e maravilhosa servindo mais uma excelência musical com “BIBI Vengeance”

  1. Eu tenho fé que a Bibi vai ser um referência para uma nova tendência ou abordagem no kpop, que quebra o conservadorismo e moralismo e questiona muita coisa, sendo claro na mensagem. Bem legal também que ela é jovem e está sendo levada a sério nesse caminho, com uma críticas, mas faz parte do que ela está almejando como artista acho.

    • eu não vi a entrevista em si que ela pode ter dito isso, mas corre por aí que essa obra prima é sobre algum relacionamento abusivo que a bibi teve que ela disse em uma entrevista que “se eu contar oq aconteceu, alguém vai pra cadeia”

  2. O ponto forte nessa música pra mim foi a high note gritada dela no último refrão q aproveitaram como sample no instrumental. Achei genial. Eu gosto de como ela consegue transitar entre uma voz doce e frágil p/ uma voz mais encorpada. A garota sabe fazer umas expressões mt macabras no vídeos, certeza q seria boa atriz se ela arriscasse.

Deixe uma resposta