Flower anuncia o disband. Agora Washio Reina pode seguir solo sem dançarinas no fundo.

Mal deu para as jpoczinhas comemorarem a discografia da Namie Amuro finalmente chegando no Spotify e outra notícia já fez questão de abalar o mundinho Jpop: Flower, um dos grupos do E.G Family, deu disband.

Para boa parte dos que acompanham o E.G Family esse disband é muito doloroso pois o Flower era um grupo muito querido na fanbase (Muitos gostavam mais do Flower que do próprio E-Girls, inclusive). Para mim nem tanto, já que não curtia muito a discografia do grupo (Sempre preferi os farofões tryhard do Happiness), mas o F que elas lançaram no início do ano segue sendo um dos melhores álbuns asiáticos de 2019 e eu estava perdendo o abuso da Reina ter transformado o Flower no novo Super Monkeys, então pra mim pelo menos encerraram as atividades em alta.

Foi anunciado também que uma das integrantes do grupo, Nakajima Mio, está grávida de seu primeiro filho e vai se aposentar da indústria para focar na maternidade. Já as outras 4 integrantes devem seguir no entretenimento, com Shigetome Manami sendo parte somente do E.G Family e Sato Harumi, Bando Nozomi e Washio Reina seguindo na formação do E-Girls. Eu ainda fico na expectativa de um debut solo da Reina como “Flower Reina” sem essa sonoridade performática, já que ela parece ser mais daquelas que prefere uma baladinha japonesa no piano, mas se não acontecer pelo menos já temos uns 3 anos de carreira solo dela disfarçada de Flower.

3 comentários em “Flower anuncia o disband. Agora Washio Reina pode seguir solo sem dançarinas no fundo.”

  1. “Eu ainda fico na expectativa de um debut solo da Reina como “Flower Reina””

    Igual a Dream Ami?

    Enfim, confesso que eu conheço muito pouco tanto da discografia do E-Girls como das dos sub-grupos (embora eu saiba que um ou dois dos sub-grupos na verdade eram grupos propriamente ditos que acabaram absorvidos pelo E-Girls), e não me interessei pelo pouco que ouvi. Mas, mesmo assim, é triste ver os sub-grupos acabando e cortando a diversidade musical deles em relação ao megagrupo completo.

    É tipo imaginar a BBC anunciando que vai acabar com as sub-units do LOONA e deixar só o grupo completo (que provavelmente é o plano dela mesmo, mas a gente se ilude com a esperança de que ela vá dar comebacks pras units e o repackage do yyxy)…

    Curtir

      1. Caramba, nunca tinha ouvido falar nessa Dream Shizuka… ela também enfiou o Dream no próprio nome na cara dura?

        Sério, qualquer dia eu preciso garimpar mais a fundo o repertório das E-Girls e seus subgrupos…

        Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s