Esse grupo de 7 integrantes humilhou os haters lançando o hino “Black Swan”

K-pop é sempre uma caixinha de surpresas. né. Num dia você está lá odiando os lançamentos e essa pegada mais fofa que um grupo adota para um lançamento, você perde todo aquele hype pelo grupo e fica torcendo para entregar um hino que abale a estrutura da Coreia com tamanha magnificência e iconicidade… Até que *BOOM*, essa transformação acontece e você deita de novo para o grupo como se fosse a coisa mais lendária da música pop. E foi isso que o Rainbow fez em 2015 com “Black Swan”:

Antes de “Black Swan”, o Rainbow tinha lançado seu primeiro full album coreano em 2 partes, e sabe-se lá por qual motivo elas abdicaram da imagem e som girl crush que até vinha dando certo pro grupo para apostar em aegyo pesado com “Tell Me Tell Me” e “Sunshine”, e além de não ter nada a ver com o que o Rainbow vinha construindo, as músicas em si são fraquíssimas (Aceito calmamente “Tell Me Tell Me” e “Sunshine” mas é ofensivo até hoje o Rainbow ter topado colocar isso no catálogo de singles delas). Como elas passaram 2013 inteiro promovendo essa pataquada e não lançaram nada em 2014, foram 2 anos perdendo qualquer interesse no que o Rainbow poderia lançar e só uma repaginada poderia fazer o grupo vingar nas minhas playlists de novo.

Daí que, em fevereiro de 2015, elas me surgem com a refinadíssima “Black Swan”, popzão sensual feito para grandes gostosas sensuais do início ao fim. No início você pode até estranhar a batida mais lenta e simples, mas a música vai crescendo, ganhando elementos e um ritmo próprio enquanto as meninas ficam intercalando gemidos e sussurros a cada 15 segundos. O segundo refrão é maravilhoso e o break de rap é curtinho porém funciona muito bem na faixa. O vídeo em preto e branco, embora mais pareça uma forma de mascarar low budget (Naquela época KARA já estava em queda livre na Coreia e a principal renda da DSP eram os variety shows que a Youngji batia ponto), também combina com a música e com a sensualidade das garotas (Jaekyung tá killing it e servindo mais do que tudo), então o pacote completo entregou um single muito forte, facilmente um dos melhores de 2015 e que envelhece como vinho, já que a cada ouvida ela fica mais gostosa.

Acredito que, se não existisse a fase aegyo e o Rainbow tivesse voltado direto com Black Swan depois de To Me/Sweet Dream, o público seria mais fiel com elas e teriam mais longevidade como segundo grupo da DSP (Ou uma frequência de lançamentos maior, já que elas conseguiram durar os 7 anos padrão na empresa), mas “Black Swan” foi uma virada de sonoridade e imagem interessante pro Rainbow. O grupo apostou na sofisticação, sem batidões mais pesados e etc., e conseguiu um efeito, na época e nas condições do Rainbow, impressionante. É uma pena que a Coreia não engoliu e “Black Swan” flopou gostoso por lá, mas valeu a tentativa.

Ah sim, hoje um outro grupo, um tal de BTS (Não sei se vocês conhecem), também lançou a sua “Black Swan” como pré-lançamento do seu novo álbum “Map Of The Soul: 7”.

A música me lembra qualquer trap que qualquer rapper americano lançaria (Ou qualquer trapper brasileiro metido a rapper americano lançaria, o que torna tudo um pouco pior), e isso não é uma boa coisa pra mim. Eu não vou ficar repetindo a mesma história de “americanização” no som do BTS e etc., até porque não é algo ruim e faz muito sentido pra eles irem por esse caminho mais Worldwide uma vez que devem lucrar muito mais nesse estilo, só não faz muito pela minha playlist mesmo. E vi que tem um vídeo também mas são quase 6 minutos e não estou com saúde pra ver isso, foi mal. No mais vão ler o post do Lunei que está bem mais divertido e com um potencial de entretenimento nos comentários maior também.

16 comentários em “Esse grupo de 7 integrantes humilhou os haters lançando o hino “Black Swan”

    1. Juro por deus que faz cinco minutos que tô rindo disso sem PARAR HAUABAUHAUAHUAAHUAHAUAGA

      btw AMEI o merchan pra rainbow as gatas merecem

      agora sobre o grupo lá não vi nem verei, mas confesso que dei uma bizu em algumas partes que o fandom posta no twirte e fique bem ….. Eh né

      Curtir

  1. Quando li o título eu só pensei um coisa “Enloqueceu?”, mas depois que percebi a piada achei genial kkkkkkkk, só assim pra tu citar o bts lol. É uma pena que você não quis ver o vídeo, pois é a melhor parte do lançamento, a expressividade dos dançarinos é muito bonita. Como fã fiquei triste que a única coisa que eu não gostei foi umas das mais presentes: o maldito autotune.(sei que foi um uso intencional, mas pra mim só funcionou na intro e na outro) Estou esperando um cover acústico pra fingir que foi a única versão que saiu igual eu trato o cover do AKMU de “Eyes, nose, lips”

    Curtir

  2. Mudando de assunto, tá acompanhando as notícias do comeback do LOONA?

    Infelizmente a HaSeul não vai participar, mas é por um bom motivo (a gata tá com transtorno de ansiedade e a BBC achou melhor ela tirar uma licença pra cuidar da saúde junto com os pais). Algumas delas mudaram o cabelo como é costume nos comebacks de k-pop (Yves tá com o cabelo mais curto, HyunJin tá ruiva e a Pirralha do Sapo ficou LOIRA) e, a julgar pelas roupas, o comeback vai vir na linha Evil Paquitas concept… com a vantagem que elas não devem sofrer o boicote que o GFRIEND sofreu quando se inspirou nas Paquitas (até porque o LOONA nunca teve um público enorme como o GFRIEND pra um boicote afetar tanto assim).

    Tá parecendo promissor.

    Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s