MOMOLAND é mais um grupo que nem tentou nesse verão com “Starry Night”

Eu nem estava levando muita fé nesse comeback do Momoland por não se tratar exatamente de um comeback, mas sim de um Special Album (a.k.a um negócio sem muita intenção de investimento ou promoção) que nem um MV ia ganhar de fato. E eu fiz bem em não criar muita expectativa pois “Starry Night” não acrescenta em (quase) nada na discografia do grupo:

Se tem uma coisa que dá pra falar/encher o saco delas é que essa não é a décima quinta versão de Bboom Bboom, e isso dá uma aliviada na pressão em cima do grupo, além de dar uma refrescada na sonoridade delas. Mas eu acho que foi o momento errado para elas fazerem isso, afinal estamos no verão coreano que sempre pede por batidões animados, coreografias pegajosas, refrões viciantes que, por bem ou por mal, o MOMOLAND servia a cada comeback… E Starry Night é quase que o oposto disso. Os batidões mais fortes deram lugar a uma melodia mais fofinha e fim de tarde na praia com um MV vertical que é só um vídeo delas paradas cantando a música, numa coisa meio “Olha, só temos 10 reais de orçamento, SE VIREM” e aí surgiu esse release.

O instrumental de “Starry Night” é uma gracinha e bem adorável, mas sem força nenhuma como single. Soa como qualquer faixa de fim de álbum de qualquer girlgroup que estava moscando na gaveta da empresa e decidiram desovar, um refrão pouco inspirado e os “Starry starry night” não são tão confortantes quanto deveriam ser. A experiência é totalmente passageira, e como esse álbum não oferece nada demais (2 versões coreanas de músicas japonesas e versões em inglês/instrumental de Starry Night), esse lançamento passa ainda mais batido que o habitual.

MOMOLAND fez bem em tentar sair da sua assinatura que não estava vingando mais, mas “Starry Night” ainda fica devendo como single. Acho que elas poderiam ir muito além e se arriscar bem mais numa faixa realmente fora do comum ao invés de lançar essa música 6/10 que qualquer uma lança, mas eu vou dar o benefício da dúvida e acreditar que “Starry Night” é de fato um evento especial e que as farofas (Derivadas ou não de “Bboom Bboom) vão voltar com tudo num comeback pra valer.

Uma consideração sobre “MOMOLAND é mais um grupo que nem tentou nesse verão com “Starry Night””

  1. Isso soa tão sinistro. É mal filmado, a música é ruim, elas parecem desconfortáveis. Parece algo saído de algum país da antiga União Soviética na virada do século, tipo essa bosta aqui

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s