Arquivo da tag: Momoland

MOMOLAND é mais um grupo que nem tentou nesse verão com “Starry Night”

Eu nem estava levando muita fé nesse comeback do Momoland por não se tratar exatamente de um comeback, mas sim de um Special Album (a.k.a um negócio sem muita intenção de investimento ou promoção) que nem um MV ia ganhar de fato. E eu fiz bem em não criar muita expectativa pois “Starry Night” não acrescenta em (quase) nada na discografia do grupo:

Continuar lendo MOMOLAND é mais um grupo que nem tentou nesse verão com “Starry Night”

Momoland segue sendo as rainhas das mães que deixam os filhos assistindo Pororo com “TIKI TAKA”

Depois do Momoland fazer uma música para a temporada 2019 do Pororo com “Banana Chacha”, e do Pororo participar do MV de “Thumbs Up”, a parceria está de volta com “TIKI TAKA”, a segunda música do grupo feita para a nova série do pinguim:

Continuar lendo Momoland segue sendo as rainhas das mães que deixam os filhos assistindo Pororo com “TIKI TAKA”

Todo T-ara tem sua Hwayoung: Daisy joga na roda a fraude no reality que formou o MOMOLAND

Quando Taeha e Yeonwoo saíram do MOMOLAND a situação da Daisy não havia sido esclarecida, sendo mantida em hiatus. A essa altura já era óbvio que estava acontecendo alguma coisa pesada no grupo, e agora a Daisy resolveu botar a boca no trambone e soltar a bomba que foi a fraude no reality que formou o grupo, o “Finding MOMOLAND”, além de outras coisas sobre o hiatus:

Continuar lendo Todo T-ara tem sua Hwayoung: Daisy joga na roda a fraude no reality que formou o MOMOLAND

MOMOLAND muda o produtor mas não muda a fórmula do hit com “Thumbs Up”

Depois de uma recepção morna do último comeback e esfarelar com a saída de Yeonwoo e Taeha (Essa última que já estava fora do grupo desde I’m So Hot junto com a integrante de Shrodinger Daisy), Momoland está de volta com 6 integrantes para o provável último lançamento de Kpop dos anos 10 (Pelo menos vai ser o último que vou dar moral), “Thumbs Up”:

Continuar lendo MOMOLAND muda o produtor mas não muda a fórmula do hit com “Thumbs Up”

Year End 100: As melhores músicas de 2019 no Asian Pop (100-86)

E finalmente nasceu: Começa hoje a lista de melhores músicas que o pop asiático desovou em 2019. Essas listas de fim de ano costumam bombar nos sites, blogs, influencers e etc. pois o pessoal adora ver pessoas que elas não fazem a mínima ideia de quem sejam botando seus faves no topo de uma lista altamente questionável só pra humilhar a fanbase do lado, mas só aqui vocês vão ter a única lista relevante da internet pois ela foi feita nada mais nada menos por… euzinho aqui. Pitchfork sonha. Então vamos aos maravilhosos critérios para essa lista de fim de ano:

  • São válidos lançamentos entre o dia 10/12/2018 e o dia 10/12/2019. Lançou algo depois disso? Torça para sobreviver na playlist de 2020.
  • Toda a lista aqui é uma questão de ser a minha opinião, o que não impede vocês de discordarem nos comentários (Mas também não vai mudar em nada na lista);
  • Gatinhas russas que cantam em coreano poderiam estar na lista se tivessem lançado algum hino esse ano;
  • IKON não entra na lista por motivos de serem horríveis e só lançarem coisa horrível (Na verdade eu não lembro nem se eles lançaram algo depois que chutaram um mano lá).

Detalhes explicados, a primeira música a ser aclamada de 2019 é… uma música de 2018.

100. Jolin Tsai – Lady In Red

Continuar lendo Year End 100: As melhores músicas de 2019 no Asian Pop (100-86)

Taeha e Yeonwoo estão fora do Momoland, enquanto Daisy segue sendo uma “incógnita”

Em eventos parcialmente previsíveis e parcialmente surpreendentes, a MLD Entertainment anunciou ontem que Taeha e Yeonwoo estão fora do Momoland. Taeha decidiu não renovar seu contrato com a empresa, Yeonwoo segue como contratada da MLD mas vai focar na carreira de atriz, e o Momoland vai seguir promovendo como um grupo de 6 integrantes.

Continuar lendo Taeha e Yeonwoo estão fora do Momoland, enquanto Daisy segue sendo uma “incógnita”

Guia de nomes completamente disfuncionais para se colocar em grupos de K-pop

Existem muitos grupos de Kpop, com muitos nomes originais ou marcantes para causar uma forte impressão logo ao serem chamados. Entretanto, muitos nomes acabam criando impacto pelos motivos errados, nos quais geram nomes que não funcionam de jeito nenhum e/ou são horríveis. Tem nomes que são horrorosos por conta própria, mas tem nomes que possuem motivos específicos em serem completamente disfuncionais ou prontos para piadas infames e trocadilhos horrorosos, e como esse é um dos motivos para esse blog existir, vamos listar alguns dos principais pontos nos quais as empresas pecam miseravelmente na hora de colocar os nomes em seus produtos.

Nomes que notoriamente tentam ofender suas integrantes: Piggy Dolls

Continuar lendo Guia de nomes completamente disfuncionais para se colocar em grupos de K-pop

MOMOLAND canta que são muito gostosas no mais novo hit periférico “I’m So Hot”

Depois de um 2018 glorioso e saindo do flop ao top, Momoland está de volta em seu primeiro comeback de 2019. Sem Daisy e Taeha, que estão fora desse comeback por problemas de saúde/pessoais (Ninguém confirmou quem tá com o quê, mas como Daisy um dia desses se encrencou com um povo por estar namorando alguém do iKON que não é o Bobby, as apostas são de que ela está com os problemas pessoais e Taeha que está morrendo), elas estão de volta com 7 integrantes e, bem, mais uma tentativa de hitar com 30 reais e ser manter como o principal grupo periférico da nação:

Eu não tenho muitos problemas com grupos refazendo a mesma fórmula do sucesso e tal, especialmente desses grupos virais que acabam presos a um único conceito enquanto não consolidam uma fanbase. Não existe um tempo para arriscar coisas novas depois do viral, nem se essas mudanças vão manter o sucesso do grupo em questão, mas uma hora elas vão ter que sair da zona de conforto. Dito isso, “I’m so hot” é um movimento (um pouco) fora da caixa: O EDM pesado dos singles do ano passado deu lugar a um pop mais retrô e, com exceção do break de rap depois do 1° refrão, a estrutura deu uma mudada significativa (Muito por conta do vocal e rap principais do grupo não estarem nesse comeback), sem perder a veia cômica e trying to be memística que botou o grupo no topo. Mas me incomoda como essa faixa parece, hum, despretensiosa demais para chegar em algum lugar.

Um dia antes o DIA lançou WOOWA, e ambas as produções são assinatura do Shinsafong Tiger. Mas WOOWA é muito mais um club banger muito icônico pronto para tirar o DIA do limbo (Não vai tirar, mas enfim), enquanto “I’m so hot” não parece ter o mesmo esforço. Eu adoro a faixa, mas adoro várias faixas nesse mesmo estilo. A música nao tem aquele impacto ou um brilho único que vai além de uma música jazzy, sabe? Eu torço muito para o MOMOLAND continuar hitando, pois acho elas necessárias e diferentes dentro do mainstream coreano atual e etc., mas “I’m so hot” é muito mais o tipo de música feita para quem já está consolidado na indústria e pega #1 com qualquer coisa, não um smash hit por conta própria que elas precisam. Talvez funcione pra elas, afinal os hits do MOMOLAND nunca pegam seu peak logo de cara, mas agora elas precisam ser mais objetivas e não contar com o meme vingando a todo momento.

 

Gaon confirma Bboom Bboom como principal hit feminino de 2018. Agora as fanbases podem surtar com um motivo.

Daí que hoje saíram os rankings de fim de ano do Gaon, e o principal chart da Coreia confirmou o que importa: MOMOLAND superou BLACKPINK, trambiques de sajaegi e fanbases surtadas, garantindo o hit feminino de 2018 na Coreia com a já lendária “Bboom Bboom”:

https://twitter.com/OH_mes/status/1083557589219139584?s=19

Continuar lendo Gaon confirma Bboom Bboom como principal hit feminino de 2018. Agora as fanbases podem surtar com um motivo.