Purple Kiss son las hermanitas oscuras de Mamamoo en “Ponzona”

Depois de lançar o pré-release vermelho e o pré-release azul, Purple Kiss debutou com o EP “INTO VIOLET”, pois vermelho + azul = violeta. Muito conceito, coesão e aclamação na fórmula do grupo, que lançou o single “Ponzona” tentando mostrar essa fusão na música (E meio que acertando):

“Ponzona” tenta fundir a agressividade e atitude de “My Heart Skip a Beat” com o drama e profundidade de “Can We Talk Again”, o que criou esse popzão com essa melodia mais lenta e pesada, fazendo um passeio no estilo mais dark e provocativo. É uma ideia interessante na teoria, mas na prática o negócio ficou muito parecido com coisas que o (G)I-DLE já fez na carreira. Na verdade tem muitos grupos apostando nessa coisa mais trevosa e misteriosa, e acho que faz o Purple Kiss perder pontos porque a primeira coisa que pensei ouvindo foi “E lá vamos nós de novo”.

Apesar disso, “Ponzona” manda bem no que se propõe. Eu gosto desse ritmo mais lento com instrumentos clássicos no fundo, dando um ar de sofisticação para a música. A mistura de características que eu falei antes dá certo aqui, e é agradável ouvir as meninas cantando (Muito embora a rapper aí lembre MUITO o estilo da Soyeon). Como ponto mais fraco eu posso colocar o refrão que poderia ser mais intenso pois ele não traz nenhuma emoção a mais para mim (Não diria ruim, só é chatinho mesmo) e a letra me incomodou um pouco pois parece que elas cantam os mesmos dois versos na música inteira (Mas até aí metade das músicas de K-pop são assim, não entendi porque essa em específico me incomodou), mas no geral é uma boa música que perde pelo conceito já não impressionar tanto assim.

“Ponzona” é um comeback melhor do que a média desses lançamentos mais trevosos que o K-pop resolveu adotar ultimamente, mas não o suficiente para me prender ouvindo. De toda forma, o Purple Kiss fez uma estreia sólida, com os pontos positivos sendo mais destacáveis que os negativos e tem tudo para crescer com os próximos lançamentos. Acho que elas teriam mais futuro se seguissem o rockzão idol de “My Heart Skip A Beat” (Afinal elas só teriam o Dreamcatcher de concorrência), mas acho que dá para apostar nelas como um grupo que vai fazer barulho na fanbase mais pra frente.


Hidden gem: Hello

As inéditas do 1º EP do Purple Kiss não são melhores que o que elas já estavam lançando como single, o que faz essa estreia ainda menos marcante (Será que é um problema da RBW? Pois os álbuns do Mamamoo também não são grandes coisas no geral)… Porém, eu gostei muito de “Hello”. É uma baladinha simples com a guitarra conduzindo a música e as meninas mostrando que são vocalistas muito boas, fazendo jus ao título de irmãs do Mamamoo. Normalmente essas faixas mais lentas nunca são escolhidas como Hidden gem por aqui, mas o Purple Kiss fez uma faixa bem legal aqui.

3 comentários em “Purple Kiss son las hermanitas oscuras de Mamamoo en “Ponzona””

Os comentários estão desativados.