Ailee compensou uns 5 anos de balada esquecível e farofa ruim com “Don’t Teach Me”

Ailee ficou fora do radar capopeiro por anos depois de muita música mais ou menos, baladinha esquecível e OST só para coreano ouvir (Somado a um dos gerenciamentos de carreira mais pavorosos do K-pop), e eu mesmo não levava muita fé de me importar de novo com essa mulher até que *BOOM* ela lembrou dos tempos em que era aclamada por toda uma fanbase lançando “Don’t Teach Me”:

Me incomodava um pouco aquela fase em que a Ailee estava empenhada em lançar o mesmo Pop/Jazz em todo santo comeback lá em 2013~2015, mas o tempo mostrou que ela estava certa em não largar desse osso (Até porque quando largou…). “Don’t Teach Me” faz muitas referências aquela época da Ailee, e a música jazzy é certamente a mais forte sendo um revival daquilo que fez a cantora gigante um dia.

Quando a gente compara “Don’t Teach Me” com a propositalmente referenciada “Don’t Touch Me” ou com a fan favorite “U&I” fica evidente que falta alguma coisa em “Don’t Teach Me” para ela ser aquela faixa 10/10, mas não é como se eu esperasse a mesma produção que ela tinha quando era O momento no K-pop, né. O que importa é que a Ailee canta essa como se fosse a melhor música da história, e é isso que dá vida para a música. É inegável que a Ailee é uma das maiores vocalistas que já pisou no pop coreano, e quando ela explode isso em uma música dançante e confortável o resultado é muito prazeroso. A Ailee nasceu para lançar músicas assim, e agora eu compreendo isso muito bem.

“Don’t Teach Me” não é aquela música que vai fazer a fanbase acordar e voltar a aclamar a Ailee, mas é uma música que deixa feliz aquele que ainda se importa em ouvir algo dela pois ela fez exatamente aquilo que os gays fãs da cantora querem ouvir. Eu sinto aqui mais ou menos o que eu sinto ouvindo “Madonna” da Luna: Não é a melhor coisa que a Ailee pode oferecer, mas me entretém o suficiente para me deixar feliz por acompanhar um retorno dela de novo. Para quem achava que a Ailee viveria de musiquinha esquecível para sempre, “Don’t Teach Me” é um maravilhoso revival.


Hidden gem: New Ego

A Ailee não só entregou um single bem legal como um EP bem legal ontem, com a 2ª parte do AMY sendo totalmente focada em entregar bops jazzy/retrô a rodo para gatinhas que acham que depois de 2014 o K-pop só foi ladeira abaixo. Encapsulando toda essa ideia temos “New Ego”, que é a melhor música desse álbum por ser simples e deixar a Ailee brilhar com suas notas altas e extensões que dominam a música inteira. Se é uma Jessie J mandando essas mesmas firulas provavelmente seria a música mais irritante da história, mas a Ailee é inteligente e faz do seu vocal um grande aliado para essa música ser luxuosa.

Siga o Pop Asiático.jpg para mais grandes gostosas que lembram que são artistas e lançam farofas pop só para a alegria das 25+ da fanbase: @popasiaticojpg

6 comentários em “Ailee compensou uns 5 anos de balada esquecível e farofa ruim com “Don’t Teach Me””

  1. O flop da Ailee nesses últimos anos não é por questões de rejeição do público perante a ela como artista (os coreanos AMAVAM os soníferos dela), mas sim por ela ter sido vítima de boicote pela antiga empresa que gerenciava a sua carreira. É como o que aconteceu com a Jessica depois da expulsão do Girls’ Generation, mas o que difere é que a Jessica conseguiu se manter como solista depois de tudo isso, o que não é o caso da Ailee que saiu MUITO prejudicada e agora tá recomeçando a sua carreira do completo nada (esse álbum dela só vendeu 300 cópias???), o que é uma situação muito triste, já que a Ailee é uma artista incrível e antes desse problema todo tinha potencial para ser uma grande solista hoje em dia.

    Enfim, a música está ótima e eu espero que agora pouco a pouco ela consiga recuperar parte da sua antiga popularidade. A empresa que ela está agora é a mesma que a Wheein do Mamamoo entrou depois que saiu da RBW e pelo o que eu acompanho delas, dá para notar que ambas estão bem empolgadas com esse novo rumo de suas carreiras. Agora é a gente como público torcer para que as coisas continuem positivas assim.

    Curtido por 1 pessoa

  2. Fico indignada, como a empresa consegue ter uma Ailee da vida e jogar tudo pela janela? Faz favor né? A bicha é bonita, gostosona e ainda é uma puta cantora. Um diamante desse solto por aí. Espero que a carreira dessa deusa retorne para nosso bem. Uma dó ver a Ailee sendo desperdiçada desse jeito. Se a gente consome de bom grado umas garças esganiçadas, imagina Aileesão? Só vem mulher!

    Curtido por 1 pessoa

  3. Don’t Teach Me é boa, mas PUTA QUE PARIU, o que é New Ego????? Sem dúvidas a melhor música dela em anossss. Bling também é MUITO boa e já estou aqui rebolando a minha raba com ambas

    Curtir

Os comentários estão encerrados.

%d blogueiros gostam disto: