T-ara revive trazendo a felicidade que todo kpopper que recebe o INSS pediu em 2021 com “Tiki Taka”

Depois de 4 anos de muita luta, promessas, encontros e desencontros e solos de diferentes qualidades, T-ara finalmente conseguiu se reunir para lançar um novo single, “Re: T-ara”. Duas faixas principais foram anunciadas para essa reunião, e a segunda delas “Tiki Taka” ganhou um PV ontem:

Sendo bem honesto, eu esperava uma farofa mais, huh, “farofa”. Sabe, um EDM mais safado, desbocado e bangunçado que é mais ou menos o que singles mais aclamados do T-ara pelas véias de guerra da fanbase costumam exaltar como Number 9 e (principalmente) Sugar Free. A energia do T-ara em si é de periféricas que deram muito certo, um grupo criativo e bagaceiro que está disposto a divertir a qualquer custo, então fiquei surpreso em ver que “Tiki Taka” é mais sofisticada e contida nesse quesito. Na verdade, essa música anda bem na linha do que qualquer girlgroup vem fazendo quando quer bancar um grupo de grandes gostosas (“Easy” do WJSN THE BLACK me veio a mente quando ouvi isso aqui), o que deixa a música ainda mais legal para mim.

Ainda assim, existe uma energia “T-ara” nessa single. Essa energia é mais forte na coreografia horrorosa que só um grupo com zero disposição para fazer como o T-ara faria para dar a volta e se tornar icônica, mas a música também me lembra uma ou outra b-side que o grupo lançaria lá no seu auge de músicas mais pop melodramático. “Tiki Taka” é um T-ara repaginado tentando seguir as tendências sem deixar o que o grupo faz de melhor de lado. Só senti falta do refrão finalizando essa música, pois do jeito que ficou esse final me deu um certo vazio. Queria voltar para os “Tiki Taka” e servir carão e close para finalizar lacrando a cara de outras aposentadas que não admitem a aposentadoria, mas enfim. Isso não tira nenhum mérito de “Tiki Taka”, mas a faixa ficaria ainda mais especial com um refrão matando tudo no final.

É óbvio que “Tiki Taka” não é um dos melhores lançamentos do T-ara, mas não é isso que essa música tenta ser. Esse comeback e a sensação de nostalgia e justiça sendo feito feita por si só já vale muito para quem acompanha, adora e é fã do grupo desde os momentos de auge até o pós escândalo que afundou o grupo na Coreia. É muito legal ver o T-ara vivo, e “Tiki Taka” é uma música boa o bastante para gente lembrar e dizer “Bem vindas de volta”. Com sorte essa reunião rende o suficiente para ser um revival de verdade e o grupo continuar lançando singles ocasionalmente, e com mais sorte ainda elas conseguem a nova Roly Poly para fazer a Coreia deitar para elas de novo.


Siga o Pop Asiático.jpg para mais notícias sobre senhoras do K-pop e um blogueiro que quer acreditar que o MV de All Kill será um curta metragem espertissimo delas segurando armas no deserto: @popasiaticojpg.

8 comentários em “T-ara revive trazendo a felicidade que todo kpopper que recebe o INSS pediu em 2021 com “Tiki Taka””

  1. Gostei; só acho que as mudanças de tempo desacelerando e acelerando de volta ao longo da música prejudicaram o resultado final. Mas só delas não terem ido na mesma linha que 99% dos girlgroups de k-pop atuais, já está ótimo.

    Uma pena que nem todas as ex-integrantes voltaram, mas fica a esperança de eventualmente elas retornarem, nem que seja só pra gravar um áudio fofocando com as colegas que ainda estão no grupo, igual a Sohee e a Soninha naquela faixa escondida do REBOOT das Wonder Girls. Se for pra fofocarem soltando indiretas sobre a Hwayoung (sem citar o nome dela pra reduzir os riscos de um processo), melhor ainda.

    Curtir

    1. No mais, que o retorno do T-ARA sirva de inspiração pra outros grupos também resolverem eventualmente fazer suas próprias reuniões. AOA, estou olhando pra vocês (e dane-se que as main vocals saíram; quem precisa de high notes se o grupo for capaz de entregar rebolados ao som de midtempos sensuais??).

      Curtir

  2. E choca as Girls’ Penetration que iludem os fãs dizendo que o grupo não acabou mas não fazem um comeback bom desde não sei quando

    Gostei de Tiki Taka mas tava esperando um batidão farofento alá Bo Peep e Number 9. Curti mais All Kill!

    Curtido por 1 pessoa

  3. Gostei da musica e to feliz que elas estão de volta. Btw All Kill icônica que tb poderia se chamar Day By Day (T-ara’s Version).

    Curtir

Os comentários estão encerrados.

%d blogueiros gostam disto: