Aquele obrigatório post falando sobre o que eu acho da nova CEO da YG

Como vocês estão sabendo aí, a YG anunciou a nova CEO Hwang Bo Kyung, que vai comandar a empresa após Yang Min Suk sair do cargo por conta dos recentes escândalos envolvendo a empresa. Hwang entrou na YG em 2001 e já atuou na YG como diretora executiva e CFO (Diretora financeira).

Em 20 de junho, o conselho de administração da empresa realizou uma reunião especial e nomeou Hwang Bo Kyung como a nova CEO após a recente renúncia de Yang Min Suk.

Hwang Bo Kyung entrou na YG Entertainment em 2001 e tem atuado como diretora executiva e CFO. Ela comentou: “Sinto a responsabilidade e senso de dever durante este período difícil. Irei endireitar o básico para que a YG Entertainment dê um passo à frente”.

Também foi determinado durante a reunião do conselho que a YG Entertainment lançará um novo comitê de transformação de negócios.

Muita gente ficou empolgada pelo fato da YG ser comandada por uma mulher e que isso vai dar uma nova direção e promoções melhores, especialmente para seus girlgroups (kkkk eu falando girlgroups no plural como se tivesse alguém além do BLACKPINK lá dentro), até que começou a circular um rumor na internet de que ela tinha votado a favor do fim do 2NE1 para baixar a euforia da geral (Mas convenhamos que depois do desastre que foi a tentativa de conter os danos do escândalo da Bom o 2NE1 não tinha muita chance mesmo). Além disso tem um povo aí gozando de alegria por conta dela ser a 1ª CEO mulher dentro da Big 3 mas não devem saber que a SM Entertainment também é comandada por uma mulher, Nam Soyoung, desde 2017, e as principais críticas na gestão dela vem de fãs de, olhem só, girlgroups (SONEs, por exemplo, querem a cabeça da fofa até hoje depois da bagunça que foram as promoções do Holiday Night e que culminaram o fim dos contratos de Sooyoung, Tiffany e Seohyun logo depois… viu SONEs, não falei que elas foram chutadas do SNSD dessa vez, dá o dedinho aqui e vamos fazer as pazes até a próxima vez que eu resolver gongar o grupo).

Voltando para Hwang Bo Kyung, ela assumindo o cargo não deve mudar muito a situação para a YG e os artistas de lá, até porque o atual sistema de gerenciamento/divulgação funciona bem para os seus artistas principais (As mais periféricas como Lee Hi e as meninas da THE BLACK LABEL que acabaram de chegar e estão aí promovendo no meio do caos devem sofrer mais e CL deve seguir no porão), mas deve servir para baixar a poeira para a YG e (Especialmente) o Yang Hyun Suk, que era o que mais levava tamancada a cada escândalo revelado pela Dispatch. Agora os irmãos Yang ficam nos bastidores da YG, já que seguem como acionistas de lá, enquanto uma figura nova passa a responder pelos processos que estão rolando e tentam organizar a casa com mais calma (Ou menos pressão, o que vocês preferirem). Desejo sorte pra ela, pois vai precisar (e muito).

5 comentários em “Aquele obrigatório post falando sobre o que eu acho da nova CEO da YG”

    1. Se bem que no caso da JYP até dá pra acreditar que a mudança no comando mudou alguma coisa, considerando que dos hinos das Wonder Girls a agência passou pras músicas medíocres do TWICE e ITZY lançadas no modo automático…

      Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s