Top Top.jpg: 10 músicas superestimadas no K-pop

Ei, você, viadinho que não é tão jovem assim e viveu sua adolescência assistindo a MTV dos anos 2000, lembra do Top Top? Um programa apresentado pelos VJs Leo Madeira e Marina Person que montavam listas com assuntos musicais específicos para eleger as melhores e piores coisas da música com tal temática? Pois é, antes de ter todo um nicho de youtubers fazendo isso com todo assunto possível, Marina e Leo trouxeram toda a magia de se montar listas aleatórias com assuntos aleatórios e compartilhar com o público. E é nessa vibe que eu vou começar com o Top Top.jpg, trazendo 10 coisas que o pop asiático desovou com um determinado tema e transformando em pauta para quando eu ficar entendiado no fim de semana. Será que dura mais de 3 posts? Veremos, mas o assunto de hoje é polêmico: 10 músicas superestimadas no K-pop.

Caso você pipoque nesse post de paraquedas pronto para jogar umas pedras dando mais relevância do que o necessário para esse blog, aqui vai alguns avisos:

  • Tudo aqui é feito com base em opiniões pessoais, não tem nenhuma intenção jornalística ou informativa por trás nem está tentando mudar sua opinião sobre tal música meia boca que você talvez curta dessa lista. Mas você ainda está liberado a achar minha opinião uma merda e botar nos comentários qual música você acha muito superestimada.
  • Os critérios para essa lista são: Eu acho superestimado, resolvi montar uma lista com músicas tão superestimadas quanto e inclui tal música. Se você levar isso como algo mais crítico ou pro pessoal, o problema não é meu.
  • The Boys e I Am The Best não aparecem na lista pois já dei minha opinião safada sobre as duas músicas nesse blog, vamos dar uma chance e dar tamancada em músicas ainda não exploradas por esse blogueiro. Mas fica o registro de que são as mais superestimadas do SNSD e do 2NE1.

Recadinhos dados, vamos começar essa lista perspicaz com o 10º lugar:

10. CLC – Hobgoblin

Porque essa música não é nada demais, todo mundo jura que isso é muito bom e MESMO ASSIM é um flop

Eu apoio essa ideia de transformar grupos flopados em injustiçados, todo mundo ama um grupo flopado com um catálogo forte na carreira. 9MUSES é um grande exemplo disso, vários hinos no catálogo e nada levou o grupo pro estrelato. CLC não. Elas estão bem longe de ter um catálogo imbatível e, para piorar, o que a fanbase faz questão de dar hype é totalmente questionável. “Hobgoblin”, por exemplo, foi lançada com os 27 fãs de CLC jurando que isso era um marco do girlpower na Coreia, e isso atraiu muito público para elas fora da Coreia mesmo (Que é a mesma coisa que NADA na situação delas mas tudo bem), mas a música é só uma barulheira safada emulando outras barulheiras safadas que tiveram sucesso por aí. E agora o CLC tá condenado a lançar coisas que sigam essa mesma linha pois, se quiserem ter a atenção de mais de 50 desavisados, tem que ser nesse estilo aí (Matando o próprio conceito que a Cube tentou vingar delas terem várias faces e, por isso, não ter um conceito único hahahaha).

“Hobgoblin” entrou no ranking por ser uma faixa ruim que a fanbase forçou como a grande marca do CLC. Já o nosso #9 aparece justamente pelo caminho oposto, sendo a principal música de um grupo que não tem apelo nenhum por coisas como ela:

09. After School – Because Of You

Porque a faixa que botou o After School no spotlight é a que menos vende o que foi o After School

Não me entendam mal, eu adoro Because Of You, After School lendárias e etc. Massss não faz o menor sentido essa música ser a principal do catálogo delas (Sim, “Bang!” fez menos sucesso que BoY). A faixa é melódica demais, emotiva demais e poderosa de menos para o After School. Tanto que elas tentaram replicar a magia do sucesso em “Shampoo” e o negócio obviamente não foi tão bem assim. Ninguém lembra do After School como um grupo de midtempos emotivas e tal, a gente lembra dos batidões, da safadeza, da mão de ferro da Kahi e do fato de ter desovado a maior sub-unit da história do K-pop. Então quando a gente comenta que “Because Of You” não é só a maior faixa como a responsável pelos dois anos de auge do grupo na Coreia… Parece uma mentira das grandes, mas não é.

Se “Because Of You” é um smash mais Only Korea e nem os 18 playgirlz ainda vivos forçam essa música por não parecer com o After School, nosso #8 impressiona por parecer com outra pessoa:

08. Lee Hyori – 10 Minutes

Porque se eu quiser ouvir uma música boa da Jennifer Lopez, eu vou lá ouvir Get Right

Você, leitor mais assíduo desse blog, vai chegar nesse ponto e pensar: O QUÊ, COMO ASSIM VOCÊ ACHA UMA MÚSICA DA HYORI SUPERESTIMADA?? E.. É, pois é. Como fã eu adoro a música e o sucesso absoluto de “10 Minutes”, consolidou a Hyori de vez como a grande gostosa das grandes gostosas do K-pop e fez essa mulher ser a fodona que é hoje. “10 Minutes” é um marco, não tenham dúvidas disso. Agora, também como fã, essa música tem muito mais a ver com o que Jennifer Lopez lançaria na época, né. Não que a Hyori tenha lá uma grande identidade musical, mas isso daqui é a J.LO cantando em coreano e pronto. Repetindo: Adoro essa música, mas graças a deusa ela lançou “U-go-girl” e é uma signature song muito mais digna da lenda, pois “10 Minutes” é fácil um dos singles mais fracos dela.

“10 Minutes” é bem qualquer coisa mas tudo bem, a Hyori lançou coisa melhor e a fanbase formada pela população da Coreia do Sul força um smash hit muito melhor. O nosso #7, entretanto, não recebe o melhor tratamento:

07. Big Bang – Fantastic Baby

Porque é impressionante como NADA nesse single envelheceu bem e a fanbase JURA o contrário

A YG vivia uma época em que lançava farofas de momento. Ela pegava tudo que funcionava como algo transgressor na época em questão, batia num liquidificador e estava pronto o conceito de músicas e vídeos dos grupos. Na verdade a YG faz isso até hoje, mas no início da década o negócio chegava a ser absurdo, com o ápice sendo em 2012 e o lançamento de “Fantastic Baby”, o auge da revolução visual do Big Bang. Com tudo isso dito, eu tenho que falar que “Fantastic Baby” funcionou em 2012 e realmente serviu muito entretenimento para a época, tendo efeito semelhante de expandir a marca do Big Bang pelo mundo tal como foi “I Am The Best” do 2NE1… Mas chegou 2013 e a música envelheceu como leite. Parte disso meio que se deve ao meteórico “Gangnam Style” ter virado o maior K-pop da história e ofusca tudo que 2012 rendeu no K-pop, mas assistir “Fantastic Baby” depois de um tempo é uma experiência. Os figurinos beiram entre o questionável e o horrendo, o autotune é sofrido, nada faz jus aos bons vocalistas do grupo e o farofão hoje em dia é um saco de ouvir. Mas acredita que tem VIP que força isso aqui como a grande coisa do Big Bang junto com BANG BANG BANG (Outra música overreacted mas pelo menos já é consenso que essa é horrorosa)? Ainda mais com uma “Haru Haru” no catálogo, que é uma das melhores músicas de corno do K-pop? Por deus gente, se ainda vão fazer Big Bang acontecer em 2020, que seja com uma música que ainda funcione em 2020.

“Fantastic Baby” aparece no 7º lugar porque, apesar de superestimadíssima, não é o consenso de ser a fanfav do grupo, diferente do #6 que até a Billboard tentou fazer o barro acontecer:

06. Red Velvet – Bad Boy

Porque esse single já nasceu morto

Vocês sabiam que a Billboard colocou essa música não só como a melhor de 2018, mas também um dos melhores K-pop da década? Pois é, aquela lista da revista tem muitos surtos coletivos comentáveis, mas não é esse o ponto. O ponto é que “Bad Boy” é uma música bem mais ou menos que a fanbase jurou por muito tempo que esse era o grande auge musical do Red Velvet. Não sei como anda agora que eu só acompanho o grupo de longe (Talvez a fanbase delas esteja forçando “Psycho” que é outra música mais ou menos e fez tanto sucesso quanto “Bad Boy”), mas pensa numa música que não vai a lugar nenhum com uma das batidas mais chatas em anos? E com tudo ficando ainda mais chato quando percebo que foi de propósito eles pensarem numa música morta dessas para chamar de “lado velvet”. Por deus Coreia, tanta música melhor (e pior) para vocês hitarem e escolhem logo a mais inespecífica do grupo…

“Bad Boy” é um single bem mais ou menos que a Coreia superestimou e transformou num dos maiores hits do Red Velvet. Mas, pelo menos, fizeram dessa música uma tentativa (certeira) de hit, diferente do #5 que não tinha nenhuma obrigação e mesmo assim hitaram:

05. Oh My Girl – Dolphin

Porque o Oh My Girl tem tanta coisa melhor para vingar do que essa b-side inespecífica

Oh My Girl é o mais novo grupo da nação, hitando duas músicas de forma impressionante e ficando popular em toda a Coreia. Esse ano o Oh My Girl não hitou só o single principal “NONSTOP” como também “Dolphin”, uma b-side do álbum que segue sendo muito escutada pelos coreanos e hitou mais sendo uma b-side do que tudo que o Oh My Girl tinha lançado como single antes de 2020. Mas fica o questionamento: O que essa música tem de tão especial assim para hitar mais que outras coisas do Oh My Girl como Closer, Windy Day ou The Fifth Season? A intro da guitarrinha de Cake By The Ocean parece que vai servir algo, mas logo você vê que a música simplesmente não sai disso. A gente espera a Coreia hitando a nova “Mister” e acaba vendo eles hitando uma música inespecífica. Masok né, se está pagando as contas do Oh My Girl então tá valendo.

“Dolphin” pegou #5 porque a Coreia está hitando uma b-side que não vai mudar em nada no planejamento do Oh My Girl, diferente do #4 que rendeu uma TRILOGIA devido ao sucesso que fez:

04. Super Junior – Sorry Sorry

Porque vocês tinham uma trilogia de músicas boas do Super Junior para transformar em Signature Song e pegaram logo a mais meia boca

Eu acho “Sorry Sorry” uma faixa legal. Como praticamente todo batidão pop de 2009, não é uma música que dê pra escutar sempre hoje em dia mas, numa playlist nostálgica com velharias do K-pop, essa desce tranquilamente. E olha que quem está falando é alguém que já foi hater fiel desse grupo (Hoje em dia só não me importo mais com o que eles fazem, mas me diverti muito às custas deles nos grupos de facebook em uma época aí). Mas não acho que “Sorry Sorry” seja tão boa assim a ponto de ser a faixa mais memorável do Super Junior, principalmente quando a trilogia clássica do grupo tem coisa muito melhor: “BONAMANA” e (principalmente) “Mr. Simple” são tão melhores que “Sorry, Sorry” e são tão menos impactantes (“Mr. Simple” até tem um ou outro que ainda se dá o trabalho de divulgar casualmente mas “BONAMANA”, coitada, só os fãs lembram). É por isso que os novinhos não levam a 2nd gen a sério, as cacuras pegam as mais básicas e transformam em canções principais.

“Sorry, Sorry” tem muito mais hype do que o necessário, mas gerou uma trilogia de singles com o mesmo estilo que são legais e me divertem numa playlist… Diferente do #2, que rendeu uma tragédia em 3 atos:

03. BLACKPINK – DDU-DU-DDU-DU

Porque não basta ser uma música horrível, ela ditou a onda para uma sequência de outras músicas horríveis

Se DDU-DU DDU-DU fosse simplesmente uma música horrível que fez sucesso ela provavelmente nem entraria na lista, afinal o que não falta é exemplo de música ruim hitando por aí. Mas DDU-DU DDU-DU não matou a audição coreana como também é responsável pela internacionalização do BLACKPINK, que entrou em diversos charts ao redor do mundo e projetou pra valer as meninas como um grupo global com essa música, o que fez o Teddy replicar a mesma fórmula, com os mesmos vícios e resultando em músicas um pouco menos ruins quanto. Foi assim em 2019 com “Kill This Love”, foi assim em 2020 com “How You Like That” e nem duvido que ainda tenha sobrado espaço para uma música desse tipo como Title Track do THE ALBUM (Mas isso só vamos descobrir em outubro).

O lado bom é que “DDU-DU DDU-DU” meio que é só flood de fanbase hoje em dia e a Coreia não liga tanto assim para essa música, diferente do nosso #2:

02. BTS – Spring Day

Porque não basta a fanbase superestimar uma música, os locais também precisam superestimar.

A primavera coreana é conhecida por ressuscitar algumas músicas temáticas. Algumas delas chegam até a disputar de volta o topo dos charts, como era o caso de “Cherry Blossom Ending” do Busker Busker. Uma dessas músicas é “Spring Day”, do BTS, que primavera após primavera vem ganhando destaque nos charts coreanos e até dentro da fanbase internacional, sendo uma das músicas populares (E de longe a com mais longevidade) do grupo. O problema dessa música comigo é que é um baladão longo e… É só isso. Não é uma música fofinha para ver as flores caindo, nem emotiva para ser uma faixa marcante de fim de estação… Simplesmente não é nada para mim. A Coreia desova baladas melhores que essa, e acredito que o próprio BTS tenha baladinhas melhores do que essa também. Se não tiver… Então o catálogo deles nesse aspecto é bem fraco, né.

Parabéns para todos os envolvidos que garantiram que o BTS tenha uma estação inteira para alimentar os seus cofres mais do que o habitual com uma música bem mais ou menos, mas aqui eles ficam em #2 porque o nosso #1 merece o título por, bem, todo o conjunto da obra:

01. NCT – O projeto em si

Porque o projeto já nasceu gritando superestimação e a SM segue insistindo

Quando o projeto NCT surgiu, tudo pareceu uma ótima ideia que seria muito complicada de executar. Criar um universo de grupos com toda uma conexão entre eles é algo que, se feito direito, poderia render muita coisa legal… Mas não rendeu. Os grupos não são tão diferentes do habitual, as músicas não são tão diferentes do habitual, a conexão e desenvolvimento do projeto NCT é muito mal feita e nem parece que os grupos envolvidos fazem parte de uma mesma ideia, resultando numa marca que não é tão impactante quanto de outros grupos da SM. Nada nesse grupo flui organicamente e nem é por culpa dos integrantes, mas pela SM que tem essas safadezas de prometer mais do que pode cumprir e acaba se embananando toda. Se o NCT fosse um projeto de empresa mais fundo de quintal esse negócio daria muito errado (BBC e Loona estão aí para provar), mas a SM tem condições de forçar a barra até a Coreia engolir, então agora temos um grupo batendo a casa dos milhões de cópias sem nada de tão diferente do que os boygroups de terceiro escalão andam fazendo. Parabéns NCT, por garantir o #1 nesse top.

39 comentários em “Top Top.jpg: 10 músicas superestimadas no K-pop”

  1. Até hj eu odeio a Coréia e os Blinks por terem feito de Du, Dudu e Edu o maior hit delas, sendo que AIIYL é a música da CARREIRA delas (po, até BOOMBAYAH ruinvilhosa e PWF mereciam mais esse posto). Mas bem, a Coréia e os fandoms da YG não são conhecidos por hitarem quem realmente merece, né?

    Curtido por 1 pessoa

  2. O NCT era previsível a merda sendo feita, já que foi uma junção de projetos tentados pela sm nos grupos antecessores (sj com o intuito graduação de integrantes do grupo + units de diferentes estilos musicais e exo com units de divulgação em localidades diferentes (finados exo-k e exo-m)) ambos falharam, assim como NCT hoje é só uma massaroca onde a fanbase finge e a sm ainda se presta ao trabalho de melhor divulgação dando tiro pra todo lado: já abandonaram o sistema graduação, esqueceram a unit que iniciou tudo e a unit chinesa agora tambem promove na coréia, fora a criação do super m onde foi a última pá de terra de divulgação nos EUA que eles já tinham iniciado com o NCT na era “Regular”. Morreram novinhos esses, ano que vem com cinco anos de grupo nas costas e nao chegaram a ser o que foi o grupos antecessores da sm com cinco anos de carreira.

    Curtido por 1 pessoa

  3. a real é que o nct já ia ser bomba desde o começo, SM fica insistindo em conceitos que deram errado vide subgrupos do suju e a ideia do exo-k/m

    ddd é horrível mas ainda dá pra escutar, mas a paumolência de spring day é grande demais, não aguentei ouvir uma segunda vez

    Curtir

  4. Até hoje eu não consigo aceitar que bad boy é a música mais popular do red velvet, eu sempre esqueço que ela existe porque nunca tenho conta de de escutar. deviam era hypar peek a boo que é mil vezes mais interessante do que o garoto mal.

    o conceito do nct é um tristeza por isso que finjo que não existe mais para o bem da minha saúde mental

    Curtido por 2 pessoas

    1. Gosto MUITO de bad boy, mas no início eu n conseguia associar essa música ao Red Velvet. Mesmo que bad boy seja mais pro lado velvet da coisa, ainda acho que é um ponto fora da curva se a gente for comparar com a delicinha Peek-a-boo (eu me rendo completamente pra essa música).

      Curtir

  5. salvo bad boy mais pela estética do que pela música em si, mal sabíamos as bombas e cupcakes mornos que elas nos serviriam depois disso. Os demais é bem por aí mesmo, acrescento só o caso do sj que dá pra considerar uma quadrilogia já que sexy, free and single segue a mesma linear. bp só entregou bombas depois que o teddy desengavetou o que sobrou do 2ne1 e essa do bts se passaria tranquilamente por ost de dorama.
    NCT a @ ali em cima já falou tudo, só salvo aquele primeiro album deles pq em 2016 a SM tava com uma safra boa de demos.

    Curtir

  6. No meu top 10 com certeza teria Just Right do Got7 tento entender até hoje o que há de bom nessa música, e acho o MV péssimo também, mas n me surpreende vindo das fãs de bg que hitam qualquer bomba kkkkk.
    Concordo plenamente com Bad Boy do Red Velvet, mas vejo mais amor por essa música vindo da comunidade internacional, acho que Red flavor e o maior hit do rv na Coreia ( outra música de qualidade duvidosa tapete de rookie).
    Tem algumas músicas desse top que são meus guilty pleasure então não tenho moral nenhuma pra falar da música dos outros mas falo mesmo assim e poderia fazer até um top 100.
    (Dolphin do omg e ruim demais)

    Curtir

  7. Longe eu joguei um shade para você, mas eu colocaria Dalshabet – Someone Like U nessa pista, música mais sem sal do grupo e todo mundo adora, ainda mais depois de suprassumo da perfeição Joker.

    Curtir

  8. Primeiro; amei o quadro, espero que você esteja inspirado e escreva, torcendo os dedos por isso.
    Segundo: queria poder discordar ou sei lá, adicionar mais coisas, mas sempre concordo com tudo e com essa lista. Sério, não tiro uma virgula que tu escreveu e trouxe as verdades em tudo.
    Acrescento que depois de Bad Boy, Red Velvet só entrou musica mais ou menos e que engulo depois de várias ouvidas, e olhe que sou do fandom, sigo e tudo desde o debut_ mas a galera em geral parece bem mais aberta a discutir que Bad Boy não é ápice do grupo, quando tem coisas superiores no catálogo. Diferente de certos grupos citados aí, que se repetir o que tu falou é capaz de rolar ameaças até de morte.

    Curtir

  9. Nossa deve ter um rancor tão grande guardado no coração para falar de músicas que você não gosta, como se fosse a opinião geral. Vai estudar, fazer uma faculdade, aprender coreano…

    Curtir

    1. Mas não é opinião geral, é opinião dele. E você não deveria nem estudar coreano porque seu português e interpretação de texto tá péssimo. (Insira aqui alguma despedida passivo-agressiva)

      Curtido por 1 pessoa

  10. Sorry Sorry merece dez pontos para a Grifinória por ter rendido esse cover:

    (meio triste a ViVi ter mais linhas num cover do que nas próprias músicas do grupo dela, mas enfim)

    Curtir

  11. Aceito o chute do Hobgoblin, bad boy ok todo mundo merece sua opinião, mas mandar que um grupo rotatório de 813913 membros feito pela galera que não conseguiu gerenciar nem dois grupos distintos “pareceu uma ótima ideia” foi o fim, não conseguirei dormir depois dessa

    Curtir

  12. Colocar Bad Boy nessa lista é a coisa mais subversiva e inesperada pra mim, adorei. Não que eu concorde com você, na verdade eu gosto de Bad Boy, mas ver alguém que não lambe essa música como o hino perfeito é bem engraçado, só pra deixar os Reveluv se revirando de raiva.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s