Em meio ao futuro incerto do CLC, Sorn consegue um debut solo com “Run”

Com o CLC mais pra lá do que pra cá e uma nuvem de incertezas pairando o grupo dentro da Cube, aconteceu hoje o debut solo da Sorn com “Run”, uma música safe que poderia ser o debut de qualquer uma na indústria, mas caiu no colo da tailandesa e ela faz o que dá com ele:

“Run” é uma produção simpática. Um popzinho inofensivo que você já ouviu 666 vezes antes e ainda vai ouvir outros 666 artistas lançando algo igual. Tirando o fato da música ser totalmente em inglês, nada nesse debut é realmente impressionante. O vocal da Sorn está gostoso de ouvir, o instrumental é bonitinho, a energia é agradável e não foi uma ouvida ruim, mas a única vida que essa música muda é a da própria Sorn que conseguiu um solo para chamar de seu.

Acho que a coisa mais comentável de “Run” é o quão “feito em casa” esse single parece. Isso é visível no MV, onde deram uma câmera para acompanhar a Sorn em diversos lugares e fizeram um vídeo com o que tinham, mas a própria música é daquelas com pouca ambição, sabe? A Sorn se juntou com uns amigos, brincou de produzir um fim de semana, achou o resultado bom e foi. Considerando a situação dela (E do CLC) dentro da Cube, não seria tão surpreendente ela falar que foi isso mesmo que aconteceu e esse debut é todo feito na cara e na coragem (E na capacidade da Sorn de conseguir bancar um single sozinha), mas o ponto é que “Run” não parece o tipo de música que ao menos tenta ser um grande hit.

Acho que já era esperado por todo mundo que esse debut solo da Sorn não seria exatamente grandioso, mas “Run” é praticamente uma produção independente da Sorn que tem a Cube por trás da distribuição. Isso não é ruim, só acho que ela merecia mais levando em conta todo o esforço que ela tem para manter o próprio CLC vivo. Enfim, o que importa é que esse debut aconteceu, e fica a torcida para a Sorn conseguir as metas que ela tem com essa música, pelo menos.

3 comentários em “Em meio ao futuro incerto do CLC, Sorn consegue um debut solo com “Run””

  1. Se a Sorn for esperta, ja manda uma DM pra PV e pede um feat. Pelo menos garante um hit no Brasil e aquela parcela de capopeiro que pagava pra ver Kard por serem os unicos que vinham pra cá…

    Curtido por 2 pessoas

  2. Se duvidar ela tirou do bolso dela pra bancar esse solo. Vi no twitter que ela mesma tinha anunciado sozinha que iria lançar esse single, não teve a cube fazendo post e nem nada do tipo de divulgação maior. Ou seja, a mesma que realmente quis.
    No fundo da pena no descaso com essa empresa e bate uma bad que qualquer um só é mero produto nas empresas, pois_ cicrano só tem solo se for pra vender, se outro fulano aleatorio quiser não terá.

    Curtir

Os comentários estão desativados.