O que aconteceu em 2021: ALPHA

Lendas urbanas normalmente não passam de lendas sobre coisas que não existem mas assombram toda uma nação por anos, mas tem lendas que, por ironia do destino, acabam se tornando realidade. Uma dessas lendas caiu em 2021, com a CL lançando seu 1º álbum de estúdio depois de anos sendo enrolada por todo mundo que estava agenciando a carreira da gata. A CL deu um pé na bunda de todos os engravatados, virou artista independente e lançou “ALPHA”:

Que eu me lembre, essa promessa de álbum da CL rola desde o lançamento de “Dr. Pepper” há uns 6 anos, numa época em que o 2NE1 já estava bem mal das pernas por conta do escândalo/hiatus da Bom e a YG já preparava o lançamento do que seria o BLACKPINK. Pode ser que essa promessa seja desde até mesmo o debut solo da CL com “The Baddest Female”, mas foi com “Dr. Pepper” que começou a palhaçada de buzz singles e parcerias aleatórias que a CL se metia e nunca dava em nada. Nem mesmo debutar na Billboard Hot 100 com “Lifted” foi capaz de pararem de enrolar a CL e lançar o álbum logo.

Com a fase de buzz singles e arroz de festa de eventos a todo vapor, CLzão passou uns bons sendo uma subcelebridade impedida de lançar música… Até que em 2019 ela encerrou seu contrato com a YG Entertainment e passou a comandar sua carreira como artista independente. 1 mês depois a CL lançou digitalmente o EP “In The Name Of Love”, uma coleção de músicas que estavam no HD da CL e ela não conseguia lançar pela YG. Ela não tinha orçamento, não tinha gravadora e sabia que charts era uma coisa do passado, mas ela tinha um sonho e umas demos prontas para serem soltas e mostrarem que a artista estava viva.

2020 foi um ano onde a CL trabalhou muito para falar que estava oficialmente de volta. Começou com “POST UP”, um rapzão de 1 minuto e meio reintroduzindo CL ao mundo como a fodona do 2NE1, e pouco tempo depois vieram o que, futuramente, seriam os 2 primeiros singles do “ALPHA”: “HWA” e “5 Star”

Oficialmente falando as 2 músicas serviram mais ou menos como outros 2 buzz singles, uma vez que a CL falou que o álbum ainda estava longe de ser lançado (Depois de alguns adiamentos que rolaram em 2020, que era o ano para sair esse álbum). Mas 2021 chegou, e a CL (Depois de lançar um single especial para a mãe) estava FINALMENTE pronta para lançar o ALPHA.

O “ALPHA” teve seu calendário divulgado com 2 singles antes do lançamento: O primeiro lançamento foi em agosto, com o rap cheio de identidade e representatividade “SPICY”…

… E o segundo em setembro, com o “popzão de corna que já superou” clássico “Lover Like Me.

Ouvindo essas duas músicas dá para notar que os planos eram mesmo de lançar o “ALPHA” depois de “HWA” e “5STAR” porque, bem, seguem a mesma estratégia desses dois singles (Um rapzão de fodona da Ásia e um pop mais emotivo e passional), mas deve ter acontecido alguma coisa no meio do caminho e ela resolveu adiar tudo. Isso foi até bom para ela, que conseguiu a gravadora do Kang Daniel para uma divulgação mais ampla do álbum, que foi lançado em outubro e ainda ganhou mais dois MVs: O primeiro para “Tie A Cherry”, lançado para promover o álbum:

… E o segundo para “Let It”, totalizando 6 MVs para as 11 músicas do álbum.

Com tanta coisa acontecendo em quase 1 década de carreira até sair esse álbum, as expectativas para o “ALPHA” eram bem altas… E foram bem correspondidas. O melhor do ALPHA para mim ela já tinha lançado como single e as faixas inéditas não fazem tanto por mim quanto “HWA”, “SPICY” e ” 5STAR” fazem, mas é um álbum bem competente. Mas, acima de tudo, é um álbum que você ouve e sente o quão realizada a CL está com ele pois, quem acompanhou todos esses anos de lenda urbana, sabe que foi uma luta para ela chegar até onde chegou. “ALPHA”, na prática, é um bom álbum Rap/Hip-Hop, com seus momentos altos e seus momentos bem mais ou menos, mas o sentimento que se criou em cima da CL faz dele um dos álbuns mais impactantes que ouvi em 2021.

2 comentários em “O que aconteceu em 2021: ALPHA”

  1. Eu nem acredito ainda que a CL enfim lançou seu álbum. Teve músicas que gostei, outras nem tanto, mas acho que no geral é um bom álbum sim. Dá pra ver o empenho que a CL teve em cima, em toda a coisa.

    Curtir

  2. Sendo sincera, não gosto da maioria das músicas dela, mas essa mana tem mais carisma que metade da indústria somada, então eu sempre desejo sucesso pro que ela lança.

    Curtir

Os comentários estão encerrados.

%d blogueiros gostam disto: