Chanmina está mais gostosa e sem vergonha do que nunca em “Harenchi”

A eterna esperança da blogosfera de fundo de quintal para o mainstream Chanmina está para lançar seu 3º álbum de estúdio “Harenchi” no próximo dia 13. Depois de divulgar capas, tracklist e algumas prévias do conteúdo do álbum, a rapper lançou na última semana o MV para a faixa título do álbum, e mais uma vez ela não me decepcionou:

Aquela música que ela lançou com o Genie High fez um certo barulho e até figurou no Top 100 do Spotify do Japão (O que é muito para alguém de nicho como a Chanmina), então nada mais justo do que a própria rapper seguir esse estilo pop/rock meets jazz de barzinho que deu certo para ela (E vem dando certo para um monte de artista japonês). E como a Chanmina já parece que toma umas 4 cachaças com tesão antes de mandar seu rap, esse som acaba combinando muito bem com o estilo dela. “Harenchi” não tem um ponto que se destaque mais do que o outro, mas o conjunto da obra é redondinho e mostra toda a versatilidade da Chanmina enquanto rapper: Ela passeia por vários estilos e gêneros musicais, e é interessante em todos eles.

No vídeo eu sinto que se ela conseguir lançar mais dois álbuns de estúdio ela vira o Coringa do Japão pois tá aí uma bicha que adora bancar a psicótica nos MVs. Mas ó, faz muito tempo que não ficava tão vidrado assistindo uma videografia como a dela pois tinha muito tempo que não me sentia impactado por alguém só assistindo um vídeo, então o fato dela parecer repetir demais essa persona acaba não sendo tão importante assim no fim do dia. Além disso ela serve looks, um corpão de dar inveja e atuação como a gatinha sem pudor dos becos de Tóquio, me deixando muito satisfeito. Me parece verdadeiro, sem vergonha, algo que o Japão tenta esconder a todo custo mas que ela vai lá e expõe, e isso acaba sendo excitante.

Além de “Harenchi”, o novo álbum da Chanmina conta com as já lançadas “Voice Memo No. 5”, “Picky”, “Angel”, “Bijin” e a versão acústica de “Never Grow Up”, além de 10 faixas inéditas. E as minhas expectativas para esse álbum estão lá em cima tanto pelo histórico (O “Never Grow Up” é um dos meus álbuns japoneses favoritos) quanto pelo que já foi revelado (Adoro todas as músicas já lançadas como single aqui, com “Voice Memo No. 5” sendo Top 10 músicas de 2020 para mim). Sempre existe uma novidade e um atrativo se tratando de Chanmina, e aposto que esse álbum vai agradar os milhares de 500 fãs da lenda (Que um dia se tornarão 500 milhões, pois tudo que eu quiser o cara lá de cima vai me dar).

2 comentários em “Chanmina está mais gostosa e sem vergonha do que nunca em “Harenchi””

  1. o que eu real to ansiosa pra esse álbum é saber se a gata vai lançar uma nova baby porque to com saudade de música pra ouvir bebada pensando em tudo na minha vida que não deu certo romanticamente qn

    eu ainda não consegui ver a tradução de harenchi mas o que me pegou nessa aqui foi como ela parece ta decidida a mandar todo mundo que julgou ela no começo da carreira a merda e expor sim tudo HUHAUHAU ao menos foi a impressão que tive né não sei
    outra coisa que eu fiquei vendo no repear que nem babona foi a cena dela enchendo a cara na rua e depois saindo toda fodase

    enfim né stan chanmina sempre servindo e entregando tudo (ainda não superei a performance ao vivo de bijin naquele princess project)

    Curtir

Os comentários estão encerrados.