Kep1er no Japão x NiziU na Coreia: Quem serviu o melhor movimento de migração?

Essa semana o Kep1er voou para o Japão para promover seu 3º single japonês “FLY-HIGH”. Enquanto isso, há uns 10 dias o NiziU pagou passagem para a Coreia do Sul e fez o prometido debut por lá com o single “Press Play”. Como eu não estava afim de comentar sobre “HEARTRIS” quando saiu e não estou afim de fazer post próprio para as duas músicas, vou usar o mesmo truque de ontem e rivalizar esses turismos que os grupos fizeram. Quem mandou melhor? Vamos ver:

Em algum momento o JYP faria o NiziU debutar na Coreia… Só tinha esquecido quando. Aí semana passada me falaram que o NiziU debutou na Coreia, mas simplesmente esqueci de ouvir. Agora é uma oportunidade muito boa para ouvir e fazer um post, e a conclusão é de que elas lançaram uma música… fofa.

“HEARTRIS” é um synthzão colorido e vibrante, dando aquela sensação de ânimo e adolescência que quase todo teen pop falando de primeiro amor no K-pop costuma ser. Tem muito tempo que não ouço uma música japonesa do grupo, mas acredito que “HEARTRIS” não seja tão diferente do que o NiziU faz em terras nipônicas. O instrumental é uma gracinha, os versos são bem gostosos e o refrão é bem animado, nada que eu ache 10/10 mas tudo é bem competente e simpático, redondinho e com pouca coisa para não curtir. Acho que o único ponto mais baixo é o pós refrão que não cola muito comigo, mas no geral é uma boa música. Para mim ouvir 3 vezes foi o suficiente, mas você deve gostar mais se tiver ânimo para esse tipo de K-pop mais colorido e vibrante.

Já o Kep1er vai para o seu 3º single japonês, onde nenhum deles leva o nome do single de fato e meio que segue um conceito de chamar tudo fly alguma coisa. Mais uma das milhares de atitudes questionáveis que envolvem esse grupo desde a formação, mas não estou aqui para descer o pau no Kep1er uma vez que achei “Grand Prix”… Fofa.

O batidão um pouco mais intenso é interessante na música, mas a energia mais colorida e adolescente de um teen pop atual segue presente em “Grand Prix”. Não sou muito fã das repetições que elas fazem nessa música (Os “grand prix” são tão bobinhos e meio irritantes quanto os “wing wing” do primeiro single japonês delas), mas são mais toleráveis e fáceis de acostumar. O resto da música é um grande OK, a virada do refrão combina com o ritmo dos versos, ao mesmo tempo que quebra e rende um contraste bem legal (E a melhor coisa que a música tem). “Grand prix” é uma música com sintetizadores mais pesados do que “HEARTRIS”, mas com o mesmo ânimo adolescente que um pop colorido precisa ter. Para mim ouvir 3 vezes foi o suficiente, mas você deve gostar mais se tiver ânimo para esse tipo de J-pop mais colorido e vibrante.

“Grand Prix” e “HEARTRIS” tem execuções diferentes mas mais ou menos chegam no mesmo lugar: Duas músicas pop simpáticas, animadinhas e bem coloridas, que criaram músicas fofas. Não fiquei fã de nenhuma das músicas e acho que quem não curte Kep1er, NiziU ou esse pop mais agudo e meio fofinho não vai virar fã com essas músicas, mas são muito competentes em suas propostas e fazem bem o que tem que ser feito. Acho que “HEARTRIS” é mais redondinha e um pouco melhor em comparação, mas “Grand Prix” também cumpre seu papel. Apostas seguras onde quem simpatiza com os grupos não vai se desapontar com esses lançamentos.

5 comentários sobre “Kep1er no Japão x NiziU na Coreia: Quem serviu o melhor movimento de migração?

  1. Pelo menos no Japão aparentemente o Kepler faz algum barulho porque basicamente por conta deles querem ampliar o contato.

  2. Aaaaa de vdd tô mt feliz q vc comentou sobre esse debut do niziu na coreia e olha q nem sou fã delas kk mas enfim, heartris é uma música gostosinha de ouvir, a história do mv é fofa e engraçada (eu amei ver as garotas correndo atrás do cara só pra pegar o ursinho de pelúcia dele kkkk faz tempo q n vejo mv com histórias ent eu amei q nesse teve historinha) e amei a coreografia, tudo em heartris é bom e foi mais q merecido elas terem ganhado o primeiro win delas na coreia

    • O NiziU conseguiu win NA COREIA??? Isso é bastante inesperado; tudo bem que elas são apadrinhadas pelo JYP, mas acho que nunca tinha ouvido falar num grupo só com idols estrangeiras (ainda mais só japonesas) conseguindo win. Parabéns pra elas; não achei que essa música ou MV delas mudou minha vida, mas fico feliz por elas!

      Koda Kumi devia se arriscar por lá também; não sei se ela ia fazer sucesso na Coreia, mas considerando o desempenho dos últimos singles e álbuns dela no Japão, não é como se ela tivesse muito a perder tentando…

      • É uma conquista e tanto pro niziu, mal lançaram heartris e já conquistaram o primeiro win, e olha q elas tava concorrendo com grandes nomes do kpop, dps dessa vitória eu espero q o jyp invista mais na carreira delas na coreia
        Quem sabe dps do niziu hitar na coreia os idols japoneses tbm n tentem a sorte por lá, parece q tá valendo mais a pena

  3. Dougie, já tô num momento com as klebinhas que se não fosse seu post eu provavelmente nem lembraria que elas teriam cb, mas caramba Gran prix é muito boa, parece ser tudo o que elas tentaram entregar em We fresh, mas dessa vez feito da maneira mais correta possível. Os focos e destaques dentro do grupo parecem estar bem mais ajustados, leia-se a wake1 parando de forçar sua queridinha, o grupo está funcionando bem melhor esse ano, que pena que é quando a maioria do público já largou a mão delas pelo péssimo 2022…

Os comentários estão desativados.