A resposta do aegyo: Laboum ressurge em alguns charts com o comeback de 2016 “Journey To Atlantis”

Em meio a onda Brave Girls dominando a Coreia do Sul com “Rollin'”, um outro grupo começa a (res)surgir em alguns charts: Laboum vem chamando atenção dos entusiastas de grupos nugu por aparecer no Top 100 do Bugs com “Journey To Atlantis”, lançada em abril de 2016, alcançando a 26ª posição no Real Time da plataforma hoje:

이와중에 벅스차트 라붐 상상더하기 입성 - 유머/움짤/이슈 - 에펨코리아

“Journey To Atlantis” costuma aparecer no rankings mais baixos do Melon por ser incluída em algumas playlists temáticas de primavera, mas hoje a música conseguiu pegar a posição #387 no chart diário, sendo a primeira aparição da música no Top 500 desde 2018:

Um dos motivos para essa subida mais forte da música pode ser um stage mix de performances no exército similar ao que viralizou “Rollin'”, alcançando 500 mil visualizações em 10 dias de lançamento, então alguns apostam que o efeito Brave Girls também aconteça com o LABOUM. Assim como “Rollin'”, eu vou dar o benefício da dúvida e esperar mais alguns dias antes de criar alguma esperança (Em breve a primavera começa na Coreia, vamos ver se isso impulsiona ainda mais a música).

De qualquer forma temos que comentar que é interessante esse “revival” de músicas antigas que floparam na Coreia, especialmente em tempos que o K-pop não vem emplacando tantos nomes nos charts com a mesma facilidade que tinha em outros anos. Li em algum lugar pelo twitter que isso seria uma forma de recompensar os esforços de girlgroups que sempre performaram e levaram entretenimento para o exército sul-coreano, então pode ser que esse fenômeno atinja outros girlgroups de terceiro escalão (Embora a maioria já esteja debaixo de 7 palmos de terra). Vamos ver se os editores de vídeo na Coreia estão dispostos a desenterrar outros grupos por aí e ver se esse curioso início de ano se estende para 2021 inteiro.

4 comentários em “A resposta do aegyo: Laboum ressurge em alguns charts com o comeback de 2016 “Journey To Atlantis””

  1. A Coréia demorou para acordar pra essa música do Laboum. Quando lançou eu tive mó esperança dela hitar… se fosse o Apink lançando certeza que ia ser All kill

    Curtir

  2. Adoro Laboum e amo essa música, foi a que me fez conhecer elas. Gostaria muito que revivessem o hino e rendesse um almoço pra cada e um premiozinho mixuruca ao menos. Essas meninas sofrem demais por sonhos que não vão pra frente. Aliás, esse sofrimento das nuguzinhas como mostrava aquele programa de TV que a Raina do After School participou foi me deixando meio deprê com acompanhar kpop, a ponto que vejo bem menos coisa.

    Curtir

  3. “Li em algum lugar pelo twitter que isso seria uma forma de recompensar os esforços de girlgroups que sempre performaram e levaram entretenimento para o exército sul-coreano”

    Podemos esperar pelo perfect all-kill de algum single das Pocket Girls, então? Porque taí um grupo que levou muito entretenimento para o exército sul-coreano (e para o planeta também)!

    E BBC, bora levar o LOONA pra se apresentar pros milicos (com uma tela de acrílico entre elas e o exército pra evitar o risco de contágio, claro)? O ODD EYE CIRCLE definitivamente ia conquistar eles.

    Curtir

Os comentários estão encerrados.