Top Top.jpg: 10 nomes que poderiam competir e por suas carreiras em jogo no Queendom 2

Depois de alguns rumores circulando na internet e em diversos fóruns Pandlr ao redor da Coreia, a segunda temporada foi confirmada pela MNET para acontecer no ano que vem.

Obviamente o programa não tem uma data certa ou um elenco definido para o ano que vem, mas isso nos dá propriedade para especular possíveis nomes para participar desse pequeno grande programa. E o Top Top.jpg de nome traz 10 nomes que são grandes apostas minhas para se envolver nessa marmotagem da MNET e botarem suas carreiras em jogo para, quem sabe, sair um novo Oh My Girl no meio disso tudo.

10º lugar — ITZY

Com o Stray Kids dando certo no formato de competição do Kingdom vencendo o programa no último ano, não vejo motivos para a JYP não enviar o ITZY no Queendom ano que vem. Com a popularidade e requisitos cumpridos para entrar no show, o ITZY é um nome muito bom para gerar aquele burburinho na fanbase, especialmente depois da performance que o grupo fez com as duas músicas altamente questionáveis que lançaram esse ano no MAMA. ITZY ainda tem fogo no olhar como um girlgroup que pode servir performances icônicas, e o Queendom é a oportunidade perfeita de mostrar isso.

9º lugar — Apink

Um grupo adorado pelos gays mais velhos de guerra que se encontra em hiatus e pode usar o Queendom como uma plataforma para promover um grande retorno ao K-pop. Se o AOA com muito menos conseguiu fazer muito barulho na primeira temporada do Queendom, o Apink pode render milhões como um grupo que ainda faz um bom barulho nos charts e segue relevante depois de 10 anos e um revamped que transformou o grupo nas madrinhas das gays com essa 2ª temporada do programa.

8º lugar — Weeekly

Weeekly pode não ser um nome muito forte quando falamos de 4ª geração, mas é um nome que conseguiu certa visibilidade depois de viralizar no TikTok no início do ano com “After School” e é uma das apostas que a fanbase acredita que pode acontecer nessa nova leva de girlgroups. O Queendom surge como uma oportunidade delas mostrarem que vão além de um viral de rede social e tem muito a oferecer como um girlgroup de K-pop, e o Weeekly tem o tipo de conceito mais fresh e leve que o coreano médio adora e fez o Oh My Girl ter uma carreira hoje em dia. Se deu certo para elas, pode dar certo para o Weeekly também.

7º lugar — EVERGLOW

EVERGLOW pode não ser um nome muito popular dentro da Coreia mas elas são MUITO fortes internacionalmente, e o perfil delas no spotify com singles beirando os 100 milhões de streams (Com DUN DUN inclusive PASSANDO essa marca) é a prova de que o grupo é um nome fortíssimo para um programa como o Queendom. Se fanbase internacional for um fator relevante para o programa como foi no Kingdom, o EVERGLOW já pode botar o farofão para esquentar pois sem dúvidas a MNET vai querer botar elas para o jogo.

6º lugar — Loona

Em um post desses é meio que obrigação citar o nome do Loona porque, bem, TODO MUNDO acha que o Loona é um daqueles nomes que a MNET já enviou a solicitação de amizade para participar do programa (E considerando a atual situção da BBC elas deveriam aceitar o convite). Com toda uma fanbase internacional (ainda) apostando no grupo, essa seria uma oportunidade perfeita para a MNET conseguir a repercussão internacional na internet que ela busca para seus programas, e uma ótima chance para o Loona reacender o fogo daqueles que um dia amaram o grupo naquela fase de solos pré-debut.

5º lugar — STAYC

STAYC cumpriria muito bem a cota de rookies em ascensão que o (G)I-DLE cumpriu no Queendom, STAYC é um nome que combina muito bem com o programa pois já tem um viral para chamar de seu e, embora tenham sido ofuscadas pelo aespa na corrida de rookie do ano, é um nome muito querido na fanbase e um dos principais nomes dessa nova geração do K-pop, sendo o futuro do K-pop que a MNET ama promover. Uma participação no Queendom pode consolidar o grupo como um grande e memorável ato da atual geração.

4º lugar — Ailee

Agora que está de gravadora nova e parece ter voltado para o pop, Ailee seria a opção ideal para cumprir a cota de “Veterana de guerra que é aclamada pelas novinhas e vai lá fazer amigas” que Park Bom segurou com milhos e dentes na 1ª temporada do programa, e o fato da Ailee ser uma performer mais disposta a ser performer pode fazer dela um nome mais competitivo do que a Bom, que virou café com leite sendo a única ali que não fazia questão de dançar ou ter uma presença de palco forte e só estava ali para reviver a memória do pessoal que ela é a mulher de You And I. Ailee tem charme, versatilidade, presença e serve vocais, uma combinação fortíssima para um programa como o Queendom.

3º lugar — Jeon Somi

Normalmente não consideraria artistas da YG se metendo na MNET mas, com a recente aparição do iKON no Kingdom, a empresa parece estar mais disposta a botar suas subcelebridades para disputarem prêmios em programas de auditório sul coreanos. E como a Somi já é velha de casa na MNET participando do Produce 101, um retorno a emissora para o Queendom 2 é uma possibilidade mais do que real. A Somi parece ser o tipo de pessoa que funciona mais como personalidade da TV do que com os singles que ela vem lançando, e o Queendom pode ser a chance de consolidar isso.

2º lugar — Brave Girls

Até o ano passado Brave Girls não seria considerado nem para um hipotético Road To Queendom, mas a recente transformação do grupo no maior ato de 2021 fez com o que as novas queridinhas da nação tivessem um passe de ouro para participar do Queendom. Soma isso com o espírito fundo de quintal do Brave Brothers que topa tudo por dinheiro e exposição e temos aí um grupo com fortes chances de se enfiar em uma presepada da MNET.

1º lugar — Momoland

Desde a primeira sugestão de uma segunda temporada do Queendom o Momoland é cotado para participar. O grupo tem um smash hit que é cantado até hoje, é um grupo conhecido entre os kpoppers (Seja amando ou odiando o grupo), já chutou metade da lineup e tem integrantes populares individualmente, sendo praticamente um combo de características de todos os nomes que passaram na 1ª temporada. O Queendom 2 poderia ser a redenção do grupo, que anda em baixa ultimamente mas tem chance de virar o jogo com o carisma e recente transformação do grupo em grandes gostosas.


Para mais novidades sobre os reality shows mais crocantes do K-pop e possíveis recaps dos programas, siga o blog mais quente da net no twitter: @popasiaticojpg

19 comentários em “Top Top.jpg: 10 nomes que poderiam competir e por suas carreiras em jogo no Queendom 2”

  1. Não sei se a MNet meteria solistas a não ser que fosse necessário, má pensando que esse Queendom deve estar em planejamento desde o ano passado, devem ter uma lineup quase completa (Vms considerar que tinham algum grupo disbandando já em negociações)

    Curtir

  2. Nossa, tinha esquecido a Ailee… acho que ela seria uma ótima opção pra esse programa!

    A Somi também seria interessante, tomando o lugar da Chanmi como a nova rata de reality shows.

    Curtir

    1. O nome mais citado dos knetzens sobre esse anúncio de uma 2° temporada foi dreamcatcher e acho bem provável elas participarem dessa temporada.
      Outro nome que foi citado por eles e vc não colocou foi Weki Meki.

      Curtir

  3. Esse lineup aí tá interessante demais, iria render horrores e creio que rolaria um burburinho forte na internet.

    Curtir

  4. Tenho horror a maldição do queendom em que apenas o OMG conseguiu sobreviver, basicamente todos os outros grupos cantaram/estão cantando pra subir e a Park Bom, bem, por onde anda a Park Bom? Um beijo Park Bom. Pelo menos o queendom nos rendeu músicas e apresentações icônicas.
    Mas que seria interessante ver essas gurias no programa, seria sensacional na verdade. Espero que a dona Mnet tenha um pouco de senso e selecione muito bem as novas escravas, digo, participantes.

    Curtido por 1 pessoa

  5. Acho que o T-ara também seria uma opção, junto com o Apink seria outro grupo com trajetória parecida com o AOA.
    Purplekiss e wekimeki também são nomes possíveis e com ligação com a MNET

    Curtido por 1 pessoa

  6. Acho que ninguém tá lembrando da existência do KARD e acho praticamente impossível o grupo participar de um reality coreano depois do Somin/April gate, mas… A Jiwoo já provou que pisa muito em realitys. Acredito que seria uma boa. Pena que não vai rolar kk

    Curtir

    1. O Kard é misto, o que impossibilita participar de participar de realitys, femininos e masculinos. Além de não serem relevantes na Coreia.

      Curtir

  7. Pena que o April tá brigando na justiça com a rata da hyunjoo se não elas tavam cogitadas também como ocorreu na primeira temporada

    Curtir

Os comentários estão encerrados.

%d blogueiros gostam disto: